Willian admite baixo rendimento em Majestoso, mas destaca importância de vitória e elogia jovens | OneFootball

Willian admite baixo rendimento em Majestoso, mas destaca importância de vitória e elogia jovens

Logo: Central do Timão

Central do Timão

  1. Por Kennedy Cardoso / Redação da Central do Timão

O meia-atacante Willian admitiu que não teve um bom desempenho individual no empate por 1 x 1 entre Corinthians e São Paulo, na tarde deste domingo, 22, na Neo Química Arena, pela sétima rodada do Brasileirão. Ele falhou em alguns lances que não costuma errar e foi substituído por Júnior Moraes aos 30 minutos do segundo tempo.

Willian acredita que, fisicamente, vem melhorando a cada jogo. Mesmo assim, teve um rendimento abaixo do que pode render no Majestoso. Por outro lado, o camisa 10 do Timão destacou a importância do ponto conquistado em Itaquera, que mantém a equipe de Vítor Pereira na liderança da competição nacional, agora com 14 pontos em sete jogos.

Willian conduz a bola em Corinthians x São Paulo. Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians.

“Cada dia, fisicamente eu venho me sentindo melhor. Hoje, sem dúvida nenhuma, não foi uma partida boa para mim tecnicamente. Fui abaixo daquilo que posso render. Mas acho que todo jogador vai ter dia que não vai estar em seu melhor nível técnico, e acho que hoje foi o meu dia. Mas acho que o importante foi o empenho e a vontade da equipe, e a gente continuar na liderança do campeonato”, disse o jogador, de 33 anos.

Queríamos muito vencer esse clássico, mas para nós, hoje, o importante foi conseguir manter a liderança do campeonato. Esse empate nos mantêm na liderança (…) A gente queria vencer, conquistar os três pontos, mas esse um ponto é muito importante. Vamos seguir trabalhando para conseguir vitórias.”

Além disso, o meia-atacante também assumiu o primeiro tempo ruim do Corinthians contra o São Paulo. Em contrapartida, ressaltou o crescimento do time na segunda etapa, sobretudo após as alterações promovidas pelo técnico português Vítor Pereira. Para ele, a melhora da equipe foi fundamental para o empate, que veio da cabeça de Adson.

Acho que o segundo tempo foi bem melhor para nós. No primeiro, tivemos muitas dificuldades. São Paulo conseguiu agredir nosso gol. No segundo, voltamos diferente. O que queríamos fazer no primeiro tempo, fizemos no segundo, ficamos mais perto do gol do São Paulo e conseguimos empatar o jogo.”

Por fim, Willian rasgou elogios aos jovens do Corinthians, que vêm decidindo os jogos mais recentes. Além de Adson, Raul Gustavo marcou contra o Internacional, na rodada passada, no Beira-Rio, e Du Queiroz anotou diante do Boca Juniors, na Argentina. O camisa 10, oriundo das categorias de base do Parque São Jorge, se disse feliz pelo sucesso da “molecada” e destacou a importância dos garotos para a equipe.

“Fico muito feliz por eles. Estão ganhando confiança a cada jogo, estão crescendo a cada jogo. Isso é importante para eles, para o clube e para nós. Estou muito feliz com o momento que a molecada vem vivendo, concluiu o meia.

Veja mais:

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo