VP jurídico do Sport responde acusações de atacante que defendeu o clube em 2021 | OneFootball

VP jurídico do Sport responde acusações de atacante que defendeu o clube em 2021

Logo: Meusport.com

Meusport.com

2021 foi um ano para se esquecer no Sport. Marcada por fracassos em todas as competições dentro de campo e turbulências fora das quatro, a temporada passada rendeu histórias que seguem repercutindo dentro do clube, mesmo com os trabalhos voltados para virar a página. Um dos assuntos que segue gerando polêmica é a declaração do atacante Neilton, que foi contratado para defender o Leão durante o primeiro semestre, mas só atuou até julho em decorrência de problemas físicos. Após meses lesionado, o jogador se pronunciou em uma rede social, apontando negligência, descaso e humilhação por parte do departamento médico leonino no tratamento de sua lesão.

Posteriormente, o clube se posicionou através de nota oficial. O Sport se defendeu alegando que a nota trazida a público pelo atleta era uma armação para se beneficiar financeiramente da instituição à qual estava vinculado. E na última quarta-feira (12), a pauta voltou à tona em entrevista do vice-presidente jurídico do Leão, Rodrigo Guedes, concedida à Rádio Clube.

”Neilton foi um problema para o Sport. Ele fez uma cirurgia, que foi realizada no Rio de Janeiro, mas é atleta do Coritiba. Para isso, a gente teve que entrar de acordo com o Coritiba, pedir autorização. Ele mesmo pediu e realizou sem nossa autorização uma cirurgia dia 19 de novembro no Rio de Janeiro. Desde lá, tentamos contato com o representante do atleta para que ele nos mandasse o relatório médico da cirurgia e retornasse para fazer o tratamento médico porque ele, até então, tinha contrato com o Sport.”

Foto: Anderson Stevens / Sport Club do Recife

Guedes faz duras críticas ao ex-jogador do Sport

Em tom de revolta, Rodrigo Guedes faz críticas á postura profissional de Neilton. Em defesa do departamento médico do Sport, o vice-presidente jurídico põe em cheque a intenção do jogador em suas atitudes.

”Não sabemos o que se passa na cabeça do atleta. Eu acho que a gente vendo a conduta de um tipo de profissional desse, vemos quem é negligente. Não seriam os médicos do Sport. Negligente foi ele, que fez uma cirurgia e ninguém sabe como foi. Será que ele tem interesse de ser realmente curado? Será que ele tem interesse em voltar a jogar bola? Ou só quer fazer esse tipo de alarde e prejudicar os clubes? Ninguém sabe.”

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo