Venda de Gerson tira do Flamengo a obrigação de negociar mais jogadores

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fmercadodofutebol.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F06%2F51244238787_b5ac41297a_c.jpg&q=25&w=1080

Após concluir a venda de Gerson ao Olympique de Marselha na última semana, o Flamengo cumpriu com a meta orçamentária para a temporada de 2021. Dessa forma, o clube não possui mais a necessidade de vender outros jogadores do elenco principal.

Isso porque o Rubro-Negro almejava ganhar R$ 168 milhões em vendas de atletas. No entanto, somente com a negociação de Gerson, o Flamengo já garantiu R$ 154 milhões, porém, os valores podem aumentar caso o volante cumpra metas. Além disso, nos primeiros meses deste ano, o clube já havia alcançado R$ 55 milhões com outras vendas. Desse modo, somando todos os valores, o Flamengo já chegou a casa de 200 milhões de reais com as negociações.

Sendo assim, o Rubro-Negro não precisa mais vender nenhum jogador para equilibrar as contas. Apesar de outras saídas não estarem descartadas, o clube só irá negociar se receber alguma proposta excelente.

Por conta da situação financeira, o Flamengo se manteve reservado no mercado e realizou apenas uma contratação neste ano: o zagueiro Bruno Viana, por empréstimo. Devido aos impactos causados pela pandemia do Covid-19, há a necessidade de tentar reduzir os efeitos, principalmente por ainda não poder contar com sua principal fonte de renda: o público nos estádios.

Saiba mais sobre o veículo