Vasco, Botafogo e Cruzeiro estariam ensaiando virada de mesa com criação da Liga apoiada pelo Flamengo

Logo: Mundo Rubro Negro

Mundo Rubro Negro

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fmundorubronegro.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F07%2FNova-Liga-sem-a-interferencia-da-CBF.jpg&q=25&w=1080

Os clubes do futebol brasileiro têm articulado nos bastidores a criação de uma nova Liga independente da CBF. Esse projeto possui o apoio dos 40 clubes das duas grandes divisões do futebol brasileiro na atualidade, com voz de destaque para o Flamengo, que tem sido protagonista nas iniciativas de reformulação do esporte na parte burocrática.

Visto que não existe nada acertado, os clubes falam pouco sobre o projeto e não existe uma voz unificada. No entanto, a notícia de que Botafogo, Cruzeiro e Vasco podem ser convidados para uma possível primeira divisão da Liga – mesmo sem subir para a Série A esse ano – deu o que falar.

Possível favorecimento na nova Liga?

Na Série B, as três equipes se encontram em momentos conturbados. O Botafogo está a dois pontos da zona de rebaixamento, que é encabeçada pelo próprio Cruzeiro. Com os últimos tropeços, o Vasco, apesar de melhor que os rivais, está se distanciando do G-4, a quatro pontos do 4º colocado Goiás.

Contudo, o retorno dos grandes atualmente na Série B abre espaço para um debate importante: por suas histórias centenárias e glórias do passado, os três grandes merecem ser “salvos” com esse possível convite ou a Liga deve respeitar as colocações dos clubes nos campeonatos atuais?

O projeto da nova Liga se mostra interessante. Os clubes falam em pré-acordos com patrocínios, comercialização das transmissões (dialoga com a aprovação da Lei do Mandante) e lucros menos defasados entre as equipes.

As cotas de TV e outras formas de arrecadação seriam, certamente, uma boa oportunidade de reconstrução dos três clubes. Entretanto, pode-se considerar antiético uma virada de mesa que favorece os maiores.

A maioria dos torcedores de diferentes clubes acreditam que o acesso deve vir no campo. Em uma publicação sobre o assunto, torcedores do Cruzeiro classificaram como “mais vergonhoso que ficar 5 anos na Série B”, “ridículo”, entre outros comentários.

Por outro lado, teve quem comemorasse a notícia: “Deus seja louvado!” e “Vamos subir no tapetão!” foram duas das frases que retrataram os torcedores à favor da medida.

Precisamos do seu apoio para fazer o melhor site de jornalismo sobre o Flamengo. Clique AQUI e saiba como se tornar nosso apoiador!

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo