Uma goleada para anunciar que o alívio gremista está perto! | OneFootball

Uma goleada para anunciar que o alívio gremista está perto!

Logo: JB Filho Repórter

JB Filho Repórter

  • Uma vitória a mais, um jogo a menos. Esse é o pensamento desde o começo e isso é o que tá sendo colocado em prática. Ou seja, a Série B tá cada vez mais perto de acabar. Muito mais importante que a goleada de 5 x 1 é ver que o sofrimento tá bem perto de dar lugar ao alívio.
  • Roger bancou a reserva do Bitello. Começou com o mesmo time titular do jogo em Campinas. Apostou na sequência dos dois volantes. Vamos ver o que o futuro reserva pro Bitello.
  • E o primeiro tempo até apresentou dificuldades. Principalmente pelo Vanderlei. Sim, ele mesmo, fez pequenos milagres na primeira etapa (calma, que falhou depois). Mas, no primeiro tempo, defendeu duas do Guilherme. Uma cara a cara e outra de cabeça. Não fosse por ele, o primeiro tempo já seria uma goleada.
  • O placar foi aberto pelo Campaz. O meia fez uma partida regular, mas soube pegar um belo chute cruzado e abrir o caminho pra vitória. 1 x 0 na conta dele.
  • No segundo, o do 2 x 0, Diego Souza apareceu. Ele foi, sem dúvidas, o melhor em campo. Não adianta falar, o cara é decisivo. E o seu gol não era fácil de fazer. A bola vem toda torta e, de canhota, o Diego só escora pro gol. Depois, ainda deu um presente pro Biel marcar o terceiro gremista. Os números não mentem. Diego Souza participa de quase 60% dos gols do Tricolor na Série B. Ou marcando ou dando a assistência. O cara é embaçado. Artilheiro da competição com 11 gols.
  • Elkeson é a segunda grande notícia da noite. Com dois gols de centroavante e uma expulsão do zagueiro do Operário, foi protagonista. Sem dúvidas que foi. No primeiro, aparece para escorar de cabeça um cruzamento do Bitello. Detalhe desse lance é que ele é quem faz o pivô, abre pro Bitello e aparece para concluir de cabeça na área. Depois, apareceu no meio dos zagueiros, trompando com todo mundo, para fazer o Vanderlei falhar e aceitar um gol fácil. O Elkeson sabe ser centroavante. Vamos ver se consegue ter sequência aqui. Se tiver, fazer gols o chinês sabe.
  • E, sim, Bitello fez a jogada desse gol. Importante pra ele também. Fazia tempos que o Bitello não conseguia ser protagonista. Tomara que o susto da reserva tenha ajudado a estabilizá-lo.
  • O cruzamento do último gol é uma jogada do Janderson também. Típico lance dele, dá o tapa pra frente e vai buscar. É outro que não acho que vai ficar para 2023, mas na Série B pode ser útil.
  • Imagino que os dois nomes que a torcida mais quer sabe são: Lucas Leiva e Guilherme. E ambos foram bem. Subiram um nível de atuação que vinham tendo. O Lucas até deu uma entregada logo no começo do jogo, mas em compensação ganhou todos os outros duelos e sempre dava passes pra frente, em direção ao gol.
  • Já o Guilherme foi bem mais participativo. Ok, perdeu os dois gols que o Vanderlei fez pequenos milagres no primeiro tempo, mas tu nota quando o atacante consegue se posicionar melhor, ler os movimentos do time de maneira mais fácil. Tá evoluindo. Creio que não vai mais sair. Fez até um gol que foi anulado por conta de impedimento, mas não dele, do carinha que cruzou.
  • E o carinha que cruzou foi o Rodrigo Ferreira. Poxa vida, seria a primeira jogada dele que resultaria em gol aqui no Grêmio. Só que tava muito impedido.
  • Bom, nada é problema, a Série B tá claramente com os dias contados na Arena. Agora é o CRB, sábado, em Alagoas.

Reprodução

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo