Um novo Mbappé chega à seleção francesa: Ethan, de 14 anos, é convocado ao time sub-16 | OneFootball

Um novo Mbappé chega à seleção francesa: Ethan, de 14 anos, é convocado ao time sub-16

Logo: Trivela

Trivela

Um novo Mbappé passará a vestir a camisa da seleção da França. A novidade é Ethan, irmão mais novo de Kylian. O garoto joga nas categorias de base do Paris Saint-Germain e ganhou sua primeira convocação para a seleção sub-16. Vai integrar um elenco de 35 jogadores chamados pelo técnico Jean-Luc Vannuchi para um período de treinamentos em Clairefontaine, o QG dos Bleus. O detalhe é que Ethan tem apenas 14 anos e já se integrará com garotos mais velhos.

Ethan Mbappé possui uma badalação considerável ao seu redor, não só pelo sobrenome. O garoto já tinha passado por um período de formação em Clairefontaine em 2019, conforme o processo costumeiro da federação francesa que recruta os melhores talentos do país desde cedo. Nesse momento, o adolescente já integrava as categorias de base do PSG. Sua chegada ao clube aconteceu em 2017, no mesmo momento em que Kylian foi contratado junto ao Monaco.

Ethan Mbappé usa seu talento de maneira diferente do irmão mais velho, já que atua como meio-campista. A ascensão meteórica, ainda assim, é de família. O caçula assinou seu primeiro contrato profissional em junho de 2021 e possui patrocínio da Nike. Atualmente, mesmo com apenas 14 anos (fará 15 em dezembro), o prodígio joga no elenco sub-17 dos parisienses.

“Ele é um meio-campista muito elegante, que influencia muito no jogo e é muito inteligente. É um jogador em formação”, afirmou Jean-Claude Lafarge, ex-diretor de Clairefontaine, ao RMC Sport em 2019. Ethan também chama atenção por sua versatilidade e pela visão de jogo. Além do mais, seu tipo físico é diferente de Mbappé, mais esguio e menos explosivo. Mesmo tão jovem, é só dois centímetros mais baixo que Kylian. Outra característica diferente é o fato de ser canhoto.

A convocação da seleção francesa indica como Ethan poderá consolidar seus passos indo além da sombra de Kylian. E talvez um momento decisivo à sua progressão ocorra ao final da temporada, quando o atacante ensaia sua saída do PSG para assinar com o Real Madrid. Se o adolescente continuar no Parc des Princes, terá que lidar com certa pressão da torcida pela decisão do irmão, mas também poderá ascender sem tantas acusações de protecionismo nos corredores parisienses.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo