Três a um. O incrível foi o fato de o Flamengo levar gol

Logo: Jogada10

Jogada10

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fjogada10.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F08%2FCorinthians-x-Flamengo-9.jpg&q=25&w=1080

O Flamengo não teve nenhum problema para vencer o Corinthians em São Paulo por 3 a 1. O que houve de mais impressionante na partida foi o time paulista marcar um gol. Mas lá vamos nós perturbar a paciência alheia com outro texto que está pronto. Basta recorrer ao control C+control V. O Flamengo, com o time titular, e com a vontade de ganhar, é sempre favorito, e jogando assim pode até disputar efetivamente todos os títulos, mas tem um problema que precisa impedir com urgência: as convocações de Eliminatórias para a Copa do Mundo. Quando as seleções levam quatro ou cinco craques, o Rubro-Negro cai, pois não adianta forçar a barra. Os reservas não são equivalentes.

O mais difícil talvez seja convencer os jogadores do Flamengo que adversários, como ocorreu hoje, não é um desses times pequenos que fazem figuração no Estadual, mas um gigante do futebol brasileiro, com uma galeria imensa de títulos, no Brasil e até no exterior. Pois mesmo jogando em casa, o Corinthians começou atrás, para surpreender nos contra-ataques, e foi rápida e completamente engolido pela equipe carioca, que abriu o placar aos seis minutos, com Éverton Ribeiro, e não tomou conhecimento do que estava do outro lado. Na prática, houve até demora prolongada para marcar novamente, dessa vez com dois gols de cabeça, de Gustavo Henrique aos 40 e de Bruno Henrique aos 43.

No intervalo, o Corinthians fez duas substituições, tentando criar força ofensiva, lançando Xavier e Vitinho, sacando Gabriel, peça inútil, e Roni, com advertência. Como não ocorreu qualquer mudança, aos 10 Cantillo também saiu, para a entrada de Araos. Quanto ao Flamengo, trocava passes, com o objetivo de controlar o jogo, e ampliar, caso surgisse a oportunidade. E o tempo foi caminhando, até que aos 29 minutos Renato Gaúcho tirou três titulares, colocando Vitinho, Michael e Pedro. Acredite: o Corinthians só ameaçou, ao acaso, aos 31, quando Jô finalizou para fora.

Aos 43, Vitinho chutou, e Léo Pereira fez contra: 3 a 1. Pois é. Como no futebol tudo é possível, o Flamengo levou um gol. Inacreditável, mas rigorosamente verdadeiro. Ficou nisso.

Siga o Jogada10 nas redes sociais, TwitterInstagram e Facebook.

Saiba mais sobre o veículo