Torcedor do Boca Juniors é detido por racismo na Neo Química Arena | OneFootball

Torcedor do Boca Juniors é detido por racismo na Neo Química Arena

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

Um torcedor do Boca Juniors foi detido por injúria racial destinada a torcida do Corinthians, na Neo Química Arena, segundo o jornalista João Paulo Cappellanes. O crime ocorreu antes da bola rolar pelo primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores.

Adepto argentino ficou imitando macacos para um setor direcionado ao corintianos e, logo depois, tentou fugir entrando para a aglomeração de argentinos e não ser reconhecido. Corretamente, não deu certo e conseguiram capturar o meliante.

Não é a primeira vez que o crime é cometido pelos argentinos. Na fase de grupos da competição, também foram flagrados outros torcedores do Boca Juniors praticando o mesmo crime. E, como na maioria das vezes, nada ocorreu.

O clube foi condenado a pagar apenas uma multa de US$ 100 mil (R$ 525 mil). Antes da bola rolar, o Boca fez alguns anúncios contra racismo em suas redes sociais e, também, foi dito nos telões da Neo Química Arena com a frase “basta de racismo.”

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo