Título do Campeonato Brasileiro de 2020 promete ser muito disputado

Logo: Futebol na Veia

Futebol na Veia

Imagem do artigo: Título do Campeonato Brasileiro de 2020 promete ser muito disputado

O Campeonato Brasileiro de 2020 promete ter uma disputa acirrada pelo título. Considerado um dos torneios mais difíceis do mundo, a edição está recheada de novidades, principalmente por conta do Coronavírus. Com isso, a exigência competitiva aos clubes vai ser ainda maior. Times com elencos mais completos, podem se beneficiar e sofrer menos com o desgaste, o que aflora ainda mais as disputas no torneio.

Com isso, a coluna do Rasgando ao Verbo debate: Quais são as equipes favoritas para conquistar o Campeonato Brasileiro?

COMPETITIVIDADE À FLOR DA PELE

O Brasileirão de 2020 será especial. Com estádios vazios devido à pandemia e rígidos protocolos de segurança, os times estão se readaptando a um novo cenário. Mesmo assim, o nível do torneio não deve cair e isso deve ser uma tendência até fevereiro.

Reunindo os 20 melhores times do futebol nacional, não vai faltar competitividade pela conquista do prêmio. Serão mais de 600 atletas envolvidos e lutando ponto a ponto, rodada pós rodada, para trazer alegria aos fiéis torcedores que vivem e vibram pelo clube do coração.

Rivalidades locais e regionais, que envolvem craques por todos os lugares, ídolos, projetos inovadores e técnicos estrangeiros, são apenas alguns do inúmeros fatores que ajudam a explicar o porquê deste campeonato ser tão especial.

OS FAVORITOS AO TÍTULO

Para este ano, muitos times abriram os cofres e garantiram reforços importantes, tais como Flamengo e Atlético-MG. Com isso, ambos buscarão conquistar o torneio nesta temporada. Mas não são apenas o Rubro-negro e o Galo que vislumbram a conquista da taça. Grêmio, Internacional e Palmeiras, mantiveram as bases do últimos anos e prometem realizar uma grande campanha.

Só o Atlético-MG por exemplo, chegou a investir mais de R$ 100 milhões em reforços para o time principal. Dentre eles, destaque para as contratações de Marrony, Keno e Alan Franco. Além disso,  buscou o técnico Jorge Sampaoli, que pretende fazer o Galo voar em 2020, assim como fez com o Santos em 2019. Todavia, ele terá de lidar com a pressão para conquistar o título, algo que o time não consegue há 49 anos (desde 1971).

Já o Flamengo manteve a base do grande time que conquistou praticamente tudo em 2019. Após perder Rafinha (Olympiakos-GRE) e o técnico Jorge Jesus (Benfica-POR), o clube buscou o lateral chileno Maurício Isla e o técnico espanhol Domènec Torrent, além das promessas Pedro (ex-Fluminense) e Michael (ex-Goiás). Mesmo que as atuações do ano passado não estejam se repetindo, o Rubro-negro vai em busca do sétimo troféu

QUEM PODE SURPREENDER?

O Campeonato Brasileiro pode promover muitas surpresas. E candidatos não faltam para a edição de 2020. O Vasco de Ramon Menezes vêm realizando excelentes jogos e conta com Germán Cano para surpreender os rivais e pensar em voos altos para a temporada.

O São Paulo de Fernando Diniz também é um candidato a ser a surpresa do torneio. Com boas opções no elenco, o Tricolor Paulista conta com o faro artilheiro de Luciano e a liderança de Daniel Alves para conquistar o troféu, que não vem desde 2008.

Assim, como o São Paulo, o Internacional também iniciou muito bem a competição. Movidos pela fase artilheira de Thiago Galhardo, o Colorado pode sonhar com a conquista que não vem desde 1979, quando o craque do time ainda era o ídolo Falcão. Mesmo sem Guerrero (lesionado) às expectativas sobre o trabalho do time estão altas e a torcida está empolgada.

OPINIÃO: EM UM CAMPEONATO DIFERENTE, A PROMESSA É DE EMOÇÃO ATÉ O FIM

Sem dúvidas, o Campeonato Brasileiro de 2020 já entrou para a história. O momento pelo qual passa a sociedade impacta diretamente os jogadores envolvidos com os jogos. Em função disso, o tempo de intervalo entre as partidas será muito menor, o que vai atrapalhar as equipes que não possuem um grande elenco. Todavia, o que pode atrapalhar alguns, pode ajudar outros.

Não teremos as torcidas (mesmo que já haja movimentação para que isso deixe de acontecer) mas a emoção não vai faltar. O Flamengo deve ter muito mais dificuldades neste ano. O trabalho de Domenèc Torrent parece não fluir e o time ainda não encontrou o futebol que encantou o país em 2019. Portanto, as oportunidades para quem sonha em fazer bonito na competição devem aparecer com mais naturalidade nesta temporada.

Mesmo assim, apenas o Atlético-MG (por ora) tem reais condições de brigar pelo título com o Flamengo. Sim, Internacional e São Paulo fazem um bom início de competição, mas a dúvida é se ambos irão manter o ritmo até o final. Se o Palmeiras de Vanderlei Luxemburgo vence mas não agrada, o Grêmio de Renato Gaúcho enfrenta uma pressão por resultados inédita até mesmo para o próprio treinador, há quatro anos no cargo.

Ninguém está sobrando tecnicamente. Muito pelo contrário: mesmo com bons jogadores, os jogos não agradam. Mesmo assim, o campeonato segue nivelado. E como já afirmado, isso vai continuar acontecendo. Até fevereiro.

Foto destaque: Reprodução/CBF