Timão busca desempate em vitórias no Brasileirão contra o Flamengo

Logo: Central do Timão

Central do Timão

Imagem do artigo: Timão busca desempate em vitórias no Brasileirão contra o Flamengo
  • Por Nágela Gaia/Redação da Central do Timão

Até o momento, as equipes estão empatadas no número de vitórias no Campeonato Brasileiro, são 26 para cada lado e 19 empates

Neste domingo, na Neo Química Arena, Corinthians e Flamengo se encontram pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. É a 72ª partida entre os dois na história do nacional.

A vitória é importantíssima para ambas as equipes, mas mais do que isso: o duelo poderá servir para desempatar o número de vitórias no Brasileirão e mudar a perspectiva de cada um dentro da competição.

Desde a primeira edição do Brasileirão, Corinthians e Flamengo se enfrentaram num total de 71 vezes. E até o momento, as equipes estão empatadas no número de vitórias: 26 para cada lado e 19 empates.

O Timão permanecia com uma certa vantagem, mas os últimos confrontos contra o Rubro-negro carioca não foram felizes. Nos últimos sete jogos, foram quatro derrotas e três empates. A última vez que o Corinthians venceu o Flamengo no Nacional, foi em 2016, por 4×0, em casa.

No primeiro turno do Brasileirão do ano passado, o Corinthians recebeu o Flamengo na Neo Química Arena. Chegou a abrir o marcador com Clayson, mas viu Gabriel Barbosa empatar no fim, em lance anulado pelo bandeira. Com o VAR em ação, o gol flamenguista foi validado e a partida terminou em 1×1.

Após isso, no segundo turno de 2019, em jogo dramático para o Corinthians, o Flamengo venceu por 4×1, com três gols de Bruno Henrique. Ao final, o técnico Fábio Carille foi demitido lá mesmo no Maracanã.

Em seu favor, o Corinthians tem o retrospecto na Neo Química Arena. Nela, o Timão lidera com três vitórias, dois empates e duas derrotas, uma delas pela Copa do Brasil do ano passado.

Os clubes vivem situações bem distintas no campeonato. Enquanto o Flamengo, terceiro colocado, mas empatado em 31 pontos com vice-líder e líder (Inter e Atlético-MG), busca aumentar mais a gordura de pontos, para chegar à liderança do campeonato, o Corinthians, 14º, briga para subir na tabela e se afastar de vez da zona de rebaixamento.

Além de buscar reação na competição, uma vitória neste domingo afastaria a crise nos bastidores e acalmar a torcida que tem contestado bastante a raça e a vontade dos atletas em campo com protestos recentes no CT Joaquim Grava e nas redes sociais.