Thomas Tuchel comenta derrota pro Arsenal, chama a responsabilidade para si e confirma Kepa como titular na final da FA Cup

Logo: Chelsea Fans Brasil

Chelsea Fans Brasil

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fi1.wp.com%2Fwww.chelseafcbrasil.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F05%2F1002633135-Thomas-Tuchel-Chelsea-x-Arsenal.jpg%3Ffit%3D2312%252C1464%26ssl%3D1&q=25&w=1080

O Chelsea foi superior ao Arsenal no derby londrino desta quarta-feira (12), mas um erro causou a derrota dos Blues diante dos gunners na trigésima sexta rodada da Premier League.

Após a partida, ainda em Stamford Bridge, Thomas Tuchel falou com a imprensa após sua segunda derrota na Premier League no comando da equipe e disse que o único erro foi o responsável pela derrota.

“Claro, e talvez, eu não sei se devemos falar sobre o pênalti da mão na bola na frente da linha para salvar um gol claro e nem sequer foi verificado [pelo VAR], então você sofre um gol como este e não pode marcar em suas maiores chances.”“Mas no final, não estávamos em campo com a mesma energia. Não é fácil chegar a uma grande intensidade com a mesma transição, não éramos espertos o suficiente, não com a mesma energia, fome, atitude, e como costumávamos jogando. Então é por nossa conta, foi totalmente desnecessário, mas é a realidade.”

A derrota pro Arsenal foi a segunda de Thomas Tuchel no Chelsea na Premier League e perguntado se haviam semelhanças em ambos os resultados, ele continuou:

“Bem, contra West Brom estávamos vencendo por 1-0 e depois com 10 homens, não estávamos totalmente concentrados após o intervalo internacional. Era o West Brom, foi um jogo muito estranho porque ganhamos todas as estatísticas, até mesmo de gols esperados.”“É fácil dizer que esta é uma vitória totalmente sortuda e ninguém pode argumentar com isso, não é uma vitória merecida, nem um pouco para o Arsenal. Mas eu não quero ir lá 100% porque todos nós não tínhamos a concentração e o foco certos. Isso é muito incomum.”“Talvez eu tenha dado alguns sinais para a equipe hoje com as mudanças que sábado está em minha mente. Mesmo que seja 1% ou 5%, não é assim que abordamos as coisas porque você é punido. Você não pode ser ingênuo na corrida pelo top 4. É difícil de engolir, difícil de aceitar, mas não há outra maneira.”

Billy Gilmour fez um bom primeiro tempo, mas foi substituído por Thomas Tuchel no intervalo pra entrada de Callum Hudson-Odoi. O treinador foi questionado se o jovem escocês poderia seguir se desenvolvendo no Chelsea na próxima temporada e disse:

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=727&image=https%3A%2F%2Fi0.wp.com%2Fwww.chelseafcbrasil.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F05%2F1002630859-Billy-Gilmour-Chelsea-x-Arsenal-scaled.jpg%3Fresize%3D2048%252C1378%26ssl%3D1&q=25&w=1080

“Bem, isso foi uma performance absolutamente boa [de Billy Gilmour]. Vimos que eles se defendiam fundo, então queríamos ter Mason que tem um chute melhor de 20 metros para talvez ser mais perigoso à distância e ter um jogador ofensivo como Mason lá. Não foi porque Billy era ruim que o tiramos, foi uma mudança tática onde tentamos colocar mais poder ofensivo.”“Para a situação de Billy, vamos conversar após a temporada. Certo, ele está aqui e está fazendo o seu trabalho. É claro que é muito difícil para ele porque nos faltou hoje N’Golo e Mateo Kovacic no meio-campo e eles são enormes para nós. Não é justo com isso tudo em seus ombros, mas ele fez um jogo fantástico contra oMan City e um jogo absolutamente ok hoje. Ele certamente não era o problema.”

Thomas Tuchel também revelou que apostou em Kepa Arrizabalaga como titular contra o Arsenal como uma forma de preparação para a final da FA Cup contra o Leicester City no final de semana.

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=633&image=https%3A%2F%2Fi1.wp.com%2Fwww.chelseafcbrasil.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F05%2F1002630874-Kepa-Arrizabalaga-Chelsea-scaled.jpg%3Fresize%3D2048%252C1199%26ssl%3D1&q=25&w=1080

“Não, não. Ele começa a final da FA Cup e achamos que era uma boa ideia dar-lhe o jogo antes. Confiamos nele e ele merece, essa é a base pela qual o colocamos no time titular.”“Ele merece, ele é tão próximo e bom no treinamento e queríamos dar-lhe alguns minutos e levar os dois jogos juntos. Foi uma noite de azar para ele também.”

Tentando diminuir o prejuízo, buscando ao menos um gol de empate, Thomas Tuchel apostou em Hudson-Odoi e Olivier Giroud na segunda etapa, mas ambos não causaram grande impacto no decorrer do segundo tempo de jogo.

“Não é difícil, eles [Hudson-Odoi e Giroud] são profissionais do Chelsea, é o oposto de difícil. Eles têm a melhor situação que você pode ter como jogadores de futebol. Como atacante, às vezes dois minutos podem mudar toda a vida e carreira. Não é nada difícil.”“Eles merecem entrar, merecem jogar. Tive a chance de jogar e foi super difícil, mas é assim que é. Você se inscreve para o maior desafio, você se inscreve para uma das competições mais difíceis dentro de uma equipe e não podemos deixar todo mundo começar assim que eu tenho a sensação de que eles podem nos ajudar a partir do banco e é assim.”“Quando eu tiver a sensação de que eles podem nos ajudar desde o início eu vou jogar com eles desde o início. Não é nada que você não possa lidar, eles trabalham duro para isso e está tudo bem. Estou triste porque pensei que talvez eles pudessem ter o toque mágico hoje para nos ajudar a ganhar pelo menos um ponto, mas não é culpa deles.”

Saiba mais sobre o veículo