Técnico do Grêmio, Renato Portaluppi se posiciona na eleição para presidente do Brasil | OneFootball

Icon: Portal do Gremista

Portal do Gremista

·30 de setembro de 2022

Técnico do Grêmio, Renato Portaluppi se posiciona na eleição para presidente do Brasil

Imagem do artigo:Técnico do Grêmio, Renato Portaluppi se posiciona na eleição para presidente do Brasil

Além da torcida gremista, uma pessoa em especial comemorou a volta do Renato Portaluppi ao Grêmio: o seu amigo Jair Bolsonaro, Presidente da República do Brasil. Eleito em 2018, o político já foi saudado diversas vezes pelo atual treinador do Tricolor, que voltou ao clube no dia 5 de setembro.

Junto com Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão, que concorrerá ao Senado pelo Rio Grande do Sul, também conta com a admiração de Portaluppi, que declarou apoio aos dois na corrida eleitoral. No mês passado, no Rio de Janeiro, o atual comandante do Grêmio já havia feito um vídeo ao lado de Mourão, demonstrando afinidade com o político.

- Publicidade -

Ontem (29), no Maranhão, onde o Imortal enfrentará o Sampaio Corrêa hoje (30) Renato também gravou um vídeo pedindo para a população brasileira votar em Bolsonaro na eleição de domingo (02/10).

Bolsonaro esteve na Arena do Grêmio no duelo contra o Vila Nova

Em visita na 45ª Expointer, realizada no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no início do mês, Bolsonaro aproveitou para comentar o retorno de Renato ao Imortal.

- Publicidade -

Além de confirmar que ligou para o novo comandante tricolor para desejar sorte, Jair Bolsonaro ainda assistiu à vitória do Grêmio por 2 a 1 contra o Vila Nova, na Arena, em partida válida pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Renato Portaluppi estava à espera do Grêmio

Ídolo máximo do Imortal Tricolor, Renato Portaluppi teve o seu nome pedido pelos torcedores gremistas desde o início da Série B, quando o time de Roger Machado vinha tendo um péssimo rendimento dentro de campo. Contudo, após alguns bons resultados, principalmente dentro de casa, o ex-técnico acabou ganhando respaldo e o nome de Portaluppi passou a perder força entre a torcida.

- Publicidade -

No entanto, após quatro jogos sem vitórias, a situação de Roger ficou insustentável, restando ao Tricolor a decisão de convocar o eterno ícone gremista para voltar à casamata do clube gaúcho. Pelo Grêmio, Renato disputou 411 partidas como treinador, conquistando a Copa do Brasil (2016), a Copa Libertadores da América (2017), a Recopa Sul-Americana (2018) e o Campeonato Gaúcho em 2018, 2019 e 2020.

Renato Gaúcho declara apoio a Bolsonaro: “Não podemos deixar o país cair no abismo”

Saiba mais sobre o veículo