Técnico da Suíça, Marat Yakin, projeta duelo contra o Brasil e fala sobre ausência de Neymar | OneFootball

Icon: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

·26 de novembro de 2022

Técnico da Suíça, Marat Yakin, projeta duelo contra o Brasil e fala sobre ausência de Neymar

Imagem do artigo:Técnico da Suíça, Marat Yakin, projeta duelo contra o Brasil e fala sobre ausência de Neymar

Brasil e Suíça se enfrentam na próxima segunda-feira (28), às 13h (Horário de Brasília), no estádio 974, em partida válida pelo grupo G. O técnico da Suíça, Marat Yakin, analisou a equipe do Brasil, que tem sido elogiada pelos aspectos defensivos e ofensivos.

– Contra o Brasil, tudo pode sair do controle. Definitivamente, precisamos definir objetivos defensivos concretos, para que no ataque possamos explorar nossas oportunidades com mais eficiência. Acho que definitivamente há espaço para melhorias aí – comentou o técnico.

Marat também foi questionado sobre a ausência de Neymar, que ficará de fora pelo menos na fase de grupos devido a uma lesão ligamentar no tornozelo, mas até então, Yakin minimizou a questão.

– Minha equipe está em forma e pronta. Vamos enfrentar um adversário que, penso eu, também tem jogadores fortes no banco. Eles podem definitivamente organizar duas ou três equipes diferentes. Eles não ficarão mais fracos por causa disso – analisou o técnico.

+ Para saber tudo sobre a Copa do Mundo – Qatar 2022, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram

As duas seleções já se encontraram em Copas do Mundo. A última vez foi em 2018, no Mundial disputado na Rússia que terminou com o placar e 1 a 1, com gols de Philippe Coutinho e Steven Zuber. Para Yakin, aquela partida não serve de parâmetro para este confronto de segunda-feira.

– O futebol muda tão rápido, com novos jogadores. Nós simplesmente não podemos comparar. Acho desconfortável jogar contra nós, e é isso que vamos mostrar contra o Brasil. Mas não podemos nos esconder e jogar apenas na defensiva, temos que ser corajosos e mostrar nosso jogo de ataque também- comentou Marat.

A Seleção Brasileira é líder do grupo G com três pontos, juntamente com a própria Suíça, comandada pelo técnico Marat. Camarões e Sérvia vêm logo atrás sem nenhum ponto conquistado até aqui.

Saiba mais sobre o veículo