Sub-20 vence o Grêmio no Sul e assume ponta isolada do Brasileirão | OneFootball

Sub-20 vence o Grêmio no Sul e assume ponta isolada do Brasileirão

Logo: Vasco da Gama

Vasco da Gama

O Sub-20 venceu o Grêmio por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (30/6), e assumiu a liderança isolada do grupo B do Campeonato Brasileiro da categoria. O gol vascaíno foi marcado por Barros, ainda na primeira etapa. Com o resultado, o Gigante chegou aos 10 pontos, com três vitórias e um empate na competição.

O próximo compromisso dos Meninos da Colina será na quarta-feira (6/7), diante do Botafogo, pela volta das semifinais do Campeonato Carioca, às 10h, em São Januário. Na ida, o Cruzmaltino venceu por 2 a 0, fora de casa.

Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio

O JOGO

O jogo começou movimentado e a primeira boa oportunidade do Vasco foi aos 6, em chute de Erick Marcus que o goleiro defendeu. Aos 9, Julião cobrou falta com perigo, mandando perto do gol. Aos 17, o goleiro adversário não afastou cruzamento e Barros tentou o chute na sobra, mas mandou sem direção.

Aos 23, Tavares avançou sem marcação e deu lindo chute, quase abrindo o placar. Aos 27, Eguinaldo fez bela jogada e tocou em Barros, sozinho, na área. O camisa 8 bateu rasteiro para abrir o placar: VASCO 1 a 0. O Cruzmaltino ainda teve chances de ampliar com Erick Marcus, Julião e Pimentel antes do intervalo.

Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio

A primeira boa chegada do Gigante no segundo tempo foi aos 2. Barros tabelou com Eguinaldo e mandou por cima. Aos 5, Erick Marcus cobrou falta com muita força e categoria e obrigou o goleiro adversário a fazer uma defesa espetacular. Aos 13, Victão tentou de cabeça na área, mas sem muita força e acabou parando na defesa do goleiro adversário. Aos 26, Barros pegou sobra de escanteio e tentou o chute, mas a bola explodiu na defesa. Na sobra, Pimentel tentou o chute cruzado e mandou muito perto.

Aos 28, Cadu fez uma defesa espetacular evitando o gol de empate do adversário. A resposta veio no minuto seguinte, Erick Marcus recebeu lançamento, brigou com a marcação e tirou demais na hora de finalização. Aos 48, Paixão ganhou na força do zagueiro e rolou para Juan bater de primeira, mas o goleiro fez boa defesa.

Escalação do Vasco: Cadu, Hygor (Lucas Eduardo), Pimentel, Victão e Julião; Rodrigo, Barros (Roger) e Marlon Gomes; Erick Marcus (Paixão), Tavares (Juan) e Eguinaldo – Técnico: Igor Guerra

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo