São Paulo acerta salários com goleiro, mas diretoria trava contratação

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

A intenção do São Paulo é contratar um novo goleiro para a próxima temporada. A avaliação interna é que o clube precisa de uma outra opção para o setor, já que o reserva de Tiago Volpi, o jovem Lucas Perri, não inspira confiança para assumir a meta do clube paulista. Então, o Tricolor já estuda o mercado.

Há alguns meses, o São Paulo tinha acertado valores, tempo de contrato e outros detalhes com Ivan, da Ponte Preta. A informação é do jornalista Jorge Nicola. Além disso, Tricolor, Ponte Preta e representantes do atleta haviam entrado em acordo pela transferência do arqueiro de 24 anos.

No acordo, o São Paulo pagaria cerca de 10 milhões de reais por 80% dos direitos econômicos. Ivan receberia cerca de 140 mil por mês com acréscimo de 50% caso batesse metas. Porém, de última hora, o martelo não foi batido. Ainda segundo Nicola, o diretor do clube, Carlos Belmonte, evitou a contratação.

Na ocasião, o dirigente entendeu que os valores eram altos e que Tiago Volpi ainda poderia se recuperar com a camisa são-paulina. Contudo, o goleiro acabou colecionando erros nas decisões de Libertadores e Copa do Brasil. O goleiro foi contratado em 2019 de forma definitiva, custando 5 milhões de dólares (cerca de R$ 21 milhões na época).

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo