Saiba como chega o Universitario, rival do Palmeiras na estreia pela Copa Libertadores

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fwww.gazetaesportiva.com%2Fwp-content%2Fuploads%2Fimagem%2F2021%2F04%2F19%2FEstadio.jpg&q=25&w=1080

Em busca do tricampeonato da Copa Libertadores, o Palmeiras entra em campo para enfrentar o Universitario às 21 horas (de Brasília) desta quarta-feira, no Estádio Monumental de Lima. O tradicional time peruano vem de vitória no torneio nacional.

Enquanto o elenco palmeirense sofre pelo desgaste físico, o Universitario fez apenas três partidas na temporada. O time peruano empatou com o Melgar (1 x 1), perdeu do Cantolao (3 x 1) e, na última rodada do torneio nacional, conseguiu bater o San Martin (1 x 0).

A partida contra o Cantolao foi disputada em 19 de março e o duelo com o San Martin, em 15 de abril – entre os dois jogos, portanto, houve um intervalo de 26 dias. O duelo contra o UTC, válido pela terceira rodada, seria realizado em 27 de março, mas acabou adiado em função de casos de covid no Universitario.

Com campanha de uma vitória, um empate e uma derrota, o Universitario contabiliza quatro pontos ganhos e figura na sexta colocação do Grupo A do Campeonato Peruano, integrado por nove clubes. A chave é liderado pelo Cienciano, que tem 10 pontos em quatro partidas.

O Palmeiras conta com retrospecto positivo diante do Universitario, já que acumula oito vitórias e quatro derrotas em 12 partidas disputadas. Levando em conta apenas jogos pela Copa Libertadores, realizados em 1971 e 1979, foram três triunfos e apenas um revés.

Na tentativa de melhorar o retrospecto diante do Universitario, o Palmeiras deve entrar em campo nessa quarta com Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gomez e Victor Luis; Felipe Melo (Danilo), Patrick de Paula e Raphael Veiga; Wesley, Rony e Luiz Adriano.