Presidente Romildo defende Thaciano, explica situação do Jael e preço do Pepê

Logo: JB Filho Repórter

JB Filho Repórter

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fi0.wp.com%2Fjbfilhoreporter.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F01%2Fromildo-1.jpg%3Ffit%3D1920%252C1080%26ssl%3D1&q=25&w=1080

O presidente Romildo deu entrevista, por telefone, na Rádio Grenal.

Aqui um resumo do que ele disse:

  • Campanha no Brasileirão: “Com o empate contra o Atlético ficamos um pouco atrás nessa disputa, mas com bons resultados diante do Inter e do Flamengo, podemos estar no páreo novamente.” “O Grêmio não perde, é o time que menos perdeu na competição. Mas empatamos demais. Não estamos nessa condição pelos empates, e sim pelas partidas em casa que deixamos escapar os 3 pontos.”
  • Sobre o Gre-Nal: “O Internacional tem sim favoritismo para esse Grenal.” “O Coudet chegou em oportunidades melhor no Grenal pelo momento e o que aconteceu?” “O Abel é muito mais malandro, mais cancheiro que outros. Por isso temos que respeitar e tomar os devidos cuidados para vencer.”
  • Sobre Thaciano: “Há muito preconceito com certos jogadores dentro do futebol. Quem não gostaria de ter um jogador polivalente como o Thaciano dentro do seu elenco?”
  • Jael: “É um jogador que foi recuperado no futebol brasileiro pelo Grêmio. Mas hoje temos um jogador muito parecido com ele que é o Churín, elenco a gente complementa e não sobrepõe.”
  • Pepê por 15 milhões de euros: “É um bom valor, minimamente.”
  • Jean Pyerre: “Jean é um craque de bola. Às vezes são questão de estilo, ou de parcerias que possam contemplar seu estilo de jogo.”