Predestinado? Deyverson ‘homenageia’ Gabigol com tatuagem após título da Libertadores | OneFootball

Predestinado? Deyverson ‘homenageia’ Gabigol com tatuagem após título da Libertadores

Logo: Coluna do Fla

Coluna do Fla

Atacante fez tatuagem com apelido ‘Predestinado’ ao lado da taça da Libertadores 2021


O Flamengo amargou a mais dura das derrotas da história no último dia 27 de novembro, quando foi superado em 2 a 1 pelo Palmeiras, na final da Libertadores 2021. Dias após o título, Deyverson, responsável pelo gol da reconquista continental alviverde, tatuou o troféu ao lado do prêmio de melhor da partida e escreveu: “Predestinado”. O curioso é que se buscar pelo apelido no Google, o primeiro resultado que aparece é a série da Globo Play que trata sobre a vida e glórias de Gabigol, artilheiro da América.

Ídolo absoluto e maior artilheiro do Flamengo na história da Libertadores, Gabigol ganhou um documentário na plataforma Globo Play com o nome ‘Predestinado’, justamente para mergulhar na origem da história da maior referência esportiva em solo nacional dos últimos três anos. Além disso, Gabriel Barbosa também tem a palavra tatuada no peito. Não se sabe, contudo, por qual cronologia Deyverson se apropriou do apelido.


Foto: Reprodução



Conforme mencionado, mesmo sem a conquista da América, Gabigol ganhou o anel promovido pela Conmebol e foi eleito o melhor jogador da Libertadores 2021. Além disso, tornou-se o único atleta na década a marcar 11 gols na mesma edição em uma mesma edição do torneio continental.

Para quem ainda não acompanhou o ‘Predestinado’, a série mergulha na origem de Gabigol e é dividida em quatro episódios que contam as dificuldades e superações na trajetória do camisa 9 – desde a época das categorias de base do Santos até vestir o Manto Sagrado e tornar-se um dos imortais rubro-negros.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo