Ponte Preta vence com sobras e garante permanência na Série B | OneFootball

Icon: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

·25 de novembro de 2023

Ponte Preta vence com sobras e garante permanência na Série B

Imagem do artigo:Ponte Preta vence com sobras e garante permanência na Série B

A Ponte Preta venceu o CRB neste sábado (25), pelo placar de 3 a 0, em jogo válido pela última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os gols decisivos foram marcados por Pablo Dyego (2x) e Paul Villero.

A Macaca precisava de uma vitória para depender apenas de si e garantir a permanência na Série B. Com a goleada, terminou a edição 2023 na 15ª colocação, com 42 pontos.


Vídeos OneFootball


O CRB começou o jogo no ataque, com a defesa da Ponte Preta mantendo o trabalho seguro. O serviço da Macaca foi facilitado quando, aos nove minutos, o zagueiro Fábio Alemão foi expulso após falta dura em Pablo Dyego.

Depois do cartão vermelho, o time campineiro conseguiu crescer na partida. O resultado do avanço foi o gol de Pablo Dyego na marca dos 20 minutos, recebendo passe de Jeh e abrindo o placar no Majestoso. O time manteve o controle.

Na marca dos 25 minutos, o atacante Pablo Dyego cabeceou após levantamento de Mailton na segunda trave, mas a bola apenas levou perigo. No minuto seguinte, Mailton também tentou uma nova finalização, mas o goleiro Júlio César foi seguro na defesa.

O CRB não manteve as respostas abaixo e tentou o empate aos 33, com Léo Pereira, mas o goleiro da Ponte Preta fez a defesa e impediu o gol adversário. Aos 45, o lateral Guilherme Romão isolou outra tentativa dos visitantes.

SEGUNDO TEMPO

O segundo tempo começou melhor para a Macaca, com Pablo Dyego marcando o segundo no jogo. O atacante recebeu o passe de Artur, batendo forte para impedir a defesa de Júlio César. Depois do gol, o Galo manteve o controle das jogadas, mas sem levar perigo.

Uma das melhores chances dos visitantes aconteceu aos 32, com a tentativa de Bruno Silva. O atacante recebeu passe de Rafael Longuine, porém apenas acertou a trave. Renato também arriscou aos 36, ficando na defesa de Caíque França.

Paul Villero marcou o terceiro da Macaca aos 38 minutos, depois de roubar a bola de Matheus Ribeiro. O atacante ainda teve nova oportunidade aos 43, mas o Júlio César interviu.

Aos 44 minutos, Igor Torres marcou ampliou a vantagem para quatro, mas o gol acabou sendo anulado por impedimento após análise do VAR. Mesmo sem o quarto, a Macaca garantiu o resultado necessário.

Saiba mais sobre o veículo