Passando por reformulação, Cruzeiro libera maior parte das contratações feitas em 2021 | OneFootball

Passando por reformulação, Cruzeiro libera maior parte das contratações feitas em 2021

Logo: Deus me Dibre

Deus me Dibre

FOTO: BRUNO HADDAD / CRUZEIRO E.C.

O segundo ano consecutivo na Série B, dessa vez com uma campanha pior do que a de estreia faz o Cruzeiro passar, novamente, por uma reformulação em seu elenco para, finalmente, disputar o acesso em 2022, algo que ainda não ocorreu em dois anos disputando a competição. Das vinte contratações feitas pelo clube em 2021, poucos nomes permanecerão na próxima temporada e algumas liberações já começaram a ser feitas.

Dos contratados com vínculo que vão além de 2021, apenas o zagueiro Eduardo Brock, o volante Rômulo e o atacante Bruno José atuaram de forma consistente na temporada e devem permanecer. Vitor Leque, adquirido para atuar ainda no Sub-20 por empréstimo, também deve ser comprado após apresentar bom rendimento na reta final da Série B. O lateral-esquerdo Alan Ruschel passou a temporada emprestado pelo América, enquanto o volante Matheus Neris e o meia Marcinho devem deixar o clube.

Já deixaram o clube o lateral-esquerdo Jean Victor, os zagueiros Rhodolfo, Joseph e Léo Santos, o volante Flávio (devolvido ao América-MG) e o atacante Keké. Todos possuíam contrato até o fim de novembro e não tiveram seus vínculos estendidos. Wellington Nem e Giovanni, titulares com Luxemburgo em boa parte dos jogos, tem situação indefinida e ainda não foram procurados pelo clube. No momento, a tendência é que também sejam liberados. Giovanni foi o meia que mais cresceu com Vanderlei, tendo marcado cinco gols na Série B.

O clube ainda viu, ao longo do primeiro semestre, o volante Matheus Barbosa receber uma proposta do Atlético-GO e aceitou, enquanto o atacante Bissoli foi pedido de volta pelo Athlético-PR. O lateral-direito Klebinho fez apenas uma partida e foi devolvido ao Flamengo. O lateral-direito Norberto foi contratado por indicação de Mozart, mas não conseguiu convencer e conviveu com lesões. Foram 16 jogos pelo Cruzeiro e também não deve seguir na Raposa.

Durante entrevista ao Flow Esporte Clube, o diretor técnico de futebol do Cruzeiro, Ricardo Rocha falou sobre o acerto iminente da Raposa com o diretor de futebol Alexandre Mattos e a promessa feita à comissão técnica do pagamento do transfer ban.

“Tem um acordo com o Alexandre Mattos. Deve voltar. Eu tenho falado com ele. É um cara que tem um potencial enorme, conhece muita gente e pode ajudar o Cruzeiro. Todo mundo sabendo o que é o Cruzeiro hoje, pé no chão. Porque o Cruzeiro não é aquele de 3, 4 anos atrás. Atravessa um momento dificílimo. Deixamos praticamente renovado. Porque praticamente? Porque precisa ser resolvido. O Cruzeiro não pode contratar. Está punido pela FIFA, tem que pagar de 15 a 20 milhões. E se ele não pagar, não pode contratar. E se não contratar, não tem como a gente (Ricardo Rocha e Vanderlei Luxemburgo) ficar. Mas o presidente garantiu que vai pagar, pra gente ficar tranquilo. Eu acredito que essa dívida vai ser paga.”

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo