Os 5 destaques da vitória do Atlético-MG sobre o Flamengo, pelo Brasileirão | OneFootball

Os 5 destaques da vitória do Atlético-MG sobre o Flamengo, pelo Brasileirão

Logo: 90min

90min

No confronto entre os últimos campeões brasileiros, o atual levou a melhor.Jogando em casa e contando com o apoio maciço das arquibancadas de um pulsante Mineirão, o Atlético-MG foi amplamente superior em relação ao Flamengo e conquistou vitória justa por 2 a 0, resultado que levou o Galo à quarta colocação provisória da Série A do Brasileirão.A seguir, elencamos os 5 principais destaques do triunfo do Galo sobre o rival carioca:

5. Allan

Allan fez uma grande partida / DOUGLAS MAGNO/GettyImages

Com a saída precoce de Jair - fraturou a mão ainda aos 30 minutos da etapa inicial -, Allan ficou ainda mais "sobrecarregado" na missão combativa do jogo, e correspondeu. Incansável, foi um verdadeiro leão na contenção, roubando bolas, desarmando e somando cortes providenciais no duelo. Não deixou os homens de criatividade do Flamengo jogarem.

4. Nacho Fernández

Nacho anotou o gol que decidiu o duelo / Pedro Vilela/GettyImages

Inteligente e cerebral, Nacho Fernández foi, mais uma vez, decisivo através de seu alto QI de futebol. Com uma leitura perfeita da jogada, se posicionou no lugar certo e na hora certa para aproveitar rebote de Diego Alves, anotando o gol que abriu os caminhos da vitória alvinegra. É muito diferenciado.

3. Mariano

Mariano foi impecável na defesa / Pedro Vilela/GettyImages

Veterano e experimentadíssimo, Mariano deu uma aula de defesa neste duelo e ainda fez a diferença na frente. Ganhou a grande maioria dos duelos individuais contra os jogadores que caíram por seu setor - inclusive o veloz Ayrton Lucas -, e ainda deu um belo lançamento que iniciou todo o lance do segundo gol. Atuação de almanaque do lateral direito.

2. Keno

Keno incomodou a defesa do Flamengo o tempo inteiro / Pedro Vilela/GettyImages

O veloz e habilidoso ponta do Galo, enquanto esteve em campo, foi a maior e mais constante ameaça à meta rubro-negra. Insinuante, criou inúmeras jogadas agudas a partir de sua velocidade, cansando demais a defesa a rubro-negra. Ainda participou diretamente do lance do gol, fazendo o desvio de cabeça que foi defendido parcialmente por Diego Alves, originando o rebote aproveitado por Nacho.

1. A torcida do Galo

Torcida do Galo fez uma grande festa em BH / Pedro Vilela/GettyImages

Apaixonada e consciente do momento que sua equipe atravessa, a torcida do Galo foi um fator diferencial nesta tarde. Além de ter comparecido em massa - mais de 55 mil presentes no Mineirão -, apoiou incondicionalmente o Alvinegro do início ao fim do confronto, protagonizando uma festa memorável na capital mineira.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo