“O Incrível”: a receita de Hulk para jogar em quase todos os jogos Atlético na temporada | OneFootball

“O Incrível”: a receita de Hulk para jogar em quase todos os jogos Atlético na temporada

Logo: Deus me Dibre

Deus me Dibre

FOTO: PEDRO SOUZA / ATLÉTICO

Depois do goleiro Everson, que participou dos 25 jogos do Atlético no Brasileirão até o momento, o atacante Hulk é o jogador que mais entrou em campo vestindo a camisa do Galo na competição. Foram 23 jogos, com um total de 1946 minutos em campo. Atrás dele estão o volante Tchê Tchê com 22 partidas, e o também volante Allan, com 21 jogos disputados.

Até o momento, o Atlético fez 58 jogos na temporada 2021 – Hulk participou de 52. É preciso ressaltar que o atacante não esteve disponível nos dois primeiros jogos da temporada.  Após a sua estreia no Campeonato Mineiro, contra o Uberlândia, ele ficou fora de apenas um jogo por cumprir suspensão automática, devido a expulsão no clássico contra o Cruzeiro. Outro momento em que o atacante não atuou no campeonato estadual foi contra o Tombense, mas por opção do técnico Cuca. O atacante estava relacionado e ficou no banco de reservas.

No Campeonato Brasileiro seu desempenho impressiona. O atacante ficou fora de apenas dois jogos: o primeiro na vitória sobre o Athletico Paranaense, por 2 x 0, no primeiro turno, por conta de uma conjuntivite. E o segundo, na última quarta-feira, contra o Santos, quando foi poupado por conta de um edema na coxa direita.

É inegável dizer que Hulk é o destaque do time na temporada. São 10 gols marcados em 23 jogos no Brasileiro, apenas um gol atrás de Yuri Alberto (Internacional) atual artilheiro da competição. O atacante tem 6 assistências para gols. E o alto número de minutos em campo se explica pela titularidade incontestável. Das 23 vezes que entrou em campo com a camisa do Atlético nesse Brasileirão, 22 foram como titular. Somente contra o América, na 11ª rodada do primeiro turno, começou no banco, mas entrou em campo no segundo tempo e participou diretamente da jogada que garantiu a vitória do Galo por 1 a 0.

O atacante tem uma média de 85 minutos em campo por partida. Mas, qual seria o segredo para um jogador de 35 anos jogar tanto, diante de um calendário tão apertado, sem apresentar recorrentes lesões ?

Muito disso se explica pelo comportamento do jogador fora de campo. Hulk se pauta em três fatores para manter seu físico e sua saúde em alta: uma boa alimentação, uma boa noite de sono e uma boa preparação. Quando não está treinando na Cidade do Galo, ou viajando com o time, o jogador está em casa, curtindo sua família e simultaneamente treinando na academia de sua casa. A recuperação, em casa, também é diferenciada. Após os treinos, o jogador tem como rotina fazer a tradicional banheira de gelo, depois o uso da sauna e em seguida um relaxamento na banheira de hidromassagem.

Além disso, o jogador fez um investimento pessoal e tem em sua casa uma câmara hiperbárica, útil para diminuir os edemas e infecções, acelerando a formação de novos vasos sanguíneos, e promovendo uma maior cicatrização de tecidos.

Em entrevista recente, o atacante falou sobre a câmara hiperbárica, e outros equipamentos que tem em casa, para ajudar na sua preparação, e também, na sua recuperação dos jogos.

É um investimento para o nosso bem, que a gente acaba usando bastante e vem sendo muito importante na recuperação muscular. Como eu sou um jogador que tenho muita massa muscular, exijo muito durante as partidas, eu preciso fazer uma boa recuperação, e eu invisto muito nisso também.

Hoje, sem dúvida ao alguma, Hulk é um grande exemplo de profissionalismo para os demais jogadores, não só do Atlético, mas como do resto do Brasil.

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo