O dia do alívio chegou: O Sunderland vence em Wembley e, depois de quatro longas temporadas, volta à segundona | OneFootball

Icon: Trivela

Trivela

·21 de maio de 2022

O dia do alívio chegou: O Sunderland vence em Wembley e, depois de quatro longas temporadas, volta à segundona

Imagem do artigo:O dia do alívio chegou: O Sunderland vence em Wembley e, depois de quatro longas temporadas, volta à segundona

O Sunderland quebrou todas as escritas e superou os azares para, enfim, deixar a terceira divisão do Campeonato Inglês. Os Black Cats venceram a final dos playoffs de acesso em Wembley, um feito inédito que ainda perseguiam depois de seguidas frustrações. A vitória por 2 a 0 sobre o Wycombe Wanderers foi incontestável e desencadeou uma belíssima comemoração da torcida alvirrubra em Londres. Assim, depois de quatro anos dramáticos na League One, um dos clubes mais tradicionais do norte da Inglaterra retorna à segunda divisão. Se a Netflix quiser preparar uma nova temporada, terá bons momentos para registrar, numa recuperação que segue visando a Premier League como objetivo.

A temporada regular do Sunderland na League One não atendeu todas as expectativas. Os Black Cats até ocuparam a zona de acesso direto durante o início do primeiro turno, mas caíram de desempenho, especialmente após a virada do ano. O time chegou a perder por 6 a 0 do Bolton em janeiro e deixou até a zona dos playoffs. A recuperação veio apenas nas rodadas finais, com direito a uma mudança de técnico – Lee Johnson foi demitido depois do baile em Bolton, para Aleix McNeil assumir logo depois e iniciar uma boa sequência invicta, que garantiu a quinta colocação.

Nos playoffs, o Sunderland encarou o Sheffield Wednesday nas semifinais. Os Black Cats venceram a ida por 1 a 0 no Stadium of Light, mas precisaram buscar o empate por 1 a 1 aos 48 do segundo tempo em Hillsborough para garantir a classificação. Graças a isso, a equipe retornava a Wembley depois de três anos e tentava a vitória que escapou contra o Charlton em 2019. Desta vez, o adversário seria o Wycombe, sexto colocado na League One, mas que também surpreendeu o MK Dons e tentava o retorno imediato à segundona.

Em Wembley, o Sunderland deu um banho de bola. A vitória por 2 a 0 foi pouco ameaçada, com uma clara superioridade dos alvirrubros. O primeiro gol saiu aos 12 minutos, num momento já de claro domínio. Elliot Embleton puxou o contra-ataque ao longo de todo o campo ofensivo e bateu de fora da área, numa bola cheia de efeito que enganou o goleiro. O Wycombe tentou pressionar mais na segunda etapa, mas os Black Cats resolveram o jogo aos 33. Alex Pritchard entregou na entrada da área para Ross Stewart, que limpou a marcação e chutou no canto. A partir desse momento, nada tirava a festa do Sunderland. Do outro lado, ficava o lamento do icônico Adebayo Akinfenwa, que saiu do banco e encerrou sua carreira aos 40 anos.

Aleix Neil virou um dos heróis da campanha. O treinador conseguiu reverter a queda livre na tabela e arrancou para o acesso. Já dentro de campo, os gols da decisão em Wembley premiaram protagonistas. Ross Stewart foi o artilheiro da campanha, enquanto Alex Pritchard serviu como grande garçom. Já Elliot Embleton é um dos jovens talentos do elenco, mas presente no grupo desde a queda na Championship. Aiden McGeady, Luke O’Nien e Lynden Gooch são os outros três que participaram de todo o calvário na League One – Gooch é o único a ter caído também na Premier League, aliás.

A expectativa é de que a bagunça interna do Sunderland, tão bem retratada pela Netflix, não se repita na volta à Championship. Um dos motivos para acreditar na mudança de postura é a chegada do magnata Kyril Louis-Dreyfus, que se tornou o acionista majoritário em fevereiro de 2021 e conquista o acesso logo na primeira temporada completa. Ainda assim, é preciso ter calma na caminhada, depois de dois rebaixamentos clamorosos consecutivos e das três temporadas em que os Black Cats não conseguiram escapar da terceirona. Mesmo com os percalços, ao menos desta vez o final do filme (ou da temporada) é diferente.

Na segunda divisão, certamente o Sunderland carrega consigo novas expectativas e também mais olhares. É um dos clubes mais tradicionais da Inglaterra, dono de seis títulos da liga e dois da copa, que possui uma torcida apaixonada e boas possibilidades comerciais. Todavia, os Black Cats sabem que nem sempre esse tipo de pressão é bem-vinda e a reconstrução precisa ser gradual. De qualquer forma, é time para estar na primeira divisão dentro de algum tempo – como foi durante a maior parte da sua história, por 84 temporadas.

Saiba mais sobre o veículo