No aniversário de Diego Ribas, relembre três vezes que ele fez a Nação vibrar | OneFootball

No aniversário de Diego Ribas, relembre três vezes que ele fez a Nação vibrar | OneFootball

Icon: Mundo Rubro Negro

Mundo Rubro Negro

·28 de fevereiro de 2024

No aniversário de Diego Ribas, relembre três vezes que ele fez a Nação vibrar

Imagem do artigo:No aniversário de Diego Ribas, relembre três vezes que ele fez a Nação vibrar

Diego Ribas completa 39 anos nesta quarta(28). O ex-jogador encerrou a carreira no final de 2022, após jogar por seis temporadas e meia no Flamengo. Com o Manto, Diego fez 289 partidas, marcou 44 gols e ganhou praticamente tudo. Apenas o Mundial de Clubes escapou. Mesmo assim, a relação com a torcida nunca foi de harmonia completa.

Diego Ribas chegou ao Flamengo em julho de 2016. A sua contratação pode ser considerada o primeiro passo na mudança de patamar do Flamengo, então em meio a reestruturação economica e administrativa que revolucionou o clube. O camisa dez chegou com direito a recepção de ídolo no aeroporto. Mas depois sentiu a ira da torcida em momentos ruins.


Vídeos OneFootball


O momento mais crítico aconteceu em 2017. Líder técnico e moral de um time ainda com muitas lacunas, Diego virou o símbolo de uma temporada recheada de duros fracassos. O Flamengo foi eliminado na fase de grupos da Libertadores, com gol do San Lorenzo na última bola. Foi às finais da Copa do Brasil e da Sulamericana, mas perdeu as duas. Diego inclusive perdeu o pênalti decisivo na final da Copa do Brasil, no Mineirão.

Diego Ribas perdeu espaço com a chegada da geração 2019

Mesmo assim, Diego Ribas seguiu trilhando seu caminho no Flamengo. Quando a geração de 2019 chegou, ele naturalmente perdeu espaço. Não era mais o craque do time. Não era nem titular, mas deu repetidas contribuições para o ciclo de vitórias e títulos entre 2019 e 2022. Vamos destacar três deles. Um gol, uma defesa e um passe.

O gol – Flamengo 3×3 Fluminense – Sulamericana 2017

No jogo da volta do confronto entre Flamengo e Fluminense pelas quartas de final da Copa Sulamericana 2017, Diego Ribas abriu o placar para o Rubro-Negro com um golaço de falta. Depois, o Fluminense virou para 3×1, mas o Flamengo empatou no finalzinho, com Vizeu e William Arão.

A defesa – Flamengo 2(6)x(5)2 Palmeiras – Supercopa 2021

Era gol! Raphael Veiga já havia se livrado de Diego Alves e tocado para gol vazio. Foi ai que Diego Ribas surgiu e afastou a bola do gol. O Flamengo empatou em 2×2 com o Palmeiras na Supercopa 2021 e levou o título nos pênaltis, por 6×5.

O passe – Flamengo 2×1 River Plate – Libertadores 2019

Nelson Rodrigues gostava de escrever que toda vez que uma pessoa saía de casa, dava um salto no infinito. Foi isso que Diego Ribas fez nos accréscimos da final da Libertadores 2019. Ao receber de Rafinha, o camisa dez deu um passe longo para Gabigol disputar a bola com Pinola. O resto é história.

Siga o MRN no Twitter e no Instagram.Contribua com a independência do nosso trabalho: seja apoiador.

  • No aniversário de Diego Ribas, relembre três vezes que ele fez a Nação vibrar
  • Flamengo aprova Tite e já quer propor renovação de contrato
  • Petterson treina separado após indisciplina no Athletico-PR
  • Flamengo abre abismo de receita sobre Palmeiras
  • Marília Ruiz revela porque Flamengo vai renovar com Gabigol
Saiba mais sobre o veículo