📝 Matheus Cunha marca, Brasil bate Egito e vai à semi das Olimpíadas

Logo: OneFootball

OneFootball

Matheus Palmieri

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fwp-images.onefootball.com%2Fwp-content%2Fuploads%2Fsites%2F13%2F2021%2F07%2Fimago1004637137h-1000x667.jpg&q=25&w=1080

O Brasil está nas semifinais dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

A Seleção venceu o Egito neste sábado (31) por 1 x 0, com o gol solitário de Matheus Cunha ainda no primeiro tempo.

O artilheiro, inclusive, precisou deixar a partida por conta de uma lesão muscular na coxa.

Com o resultado, a equipe de André Jardine segue na competição e encara o vencedor de México e Coreia do Sul.

Brasil sub-23 1
Egito U23 0
Fim de jogo

🕊️ No ritmo do Pombo

O Egito iniciou a partida assustando o Brasil com uma cabeçada esquisita de Tawfik para fora.

A Seleção respondeu com a finalização por cima de Antony e o chute de Richarlison que o goleiro defendeu no gogó.

Eis, então, que o Pombo brilhou na frente.

Ele fez a jogada pela esquerda e deu passe para Matheus Cunha finalizar no canto e abrir o placar.


🌧️ Chuva de chances

O Brasil desperdiçou uma série de oportunidades no começo do segundo tempo.

Claudinho e Matheus Cunha erraram o alvo antes dos dois minutos de jogo.

Só que aí veio a má notícia do dia.

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=721&image=https%3A%2F%2Fwp-images.onefootball.com%2Fwp-content%2Fuploads%2Fsites%2F13%2F2021%2F07%2Fimago1004637150h.jpg&q=25&w=1080

🤕 Lesão do artilheiro

O camisa 9 sentiu um problema muscular na coxa e precisou deixar a partida para a entrada de Paulinho.

A partir daí, Douglas Luiz, Claudinho e o próprio Paulinho tiveram oportunidades para marcar o segundo.

Nos últimos minutos, o Egito passou a tentar sair mais para o jogo, mas nada que pudesse assustar a meta da Seleção.


Foto de destaque: IMAGO / Agencia EFE