“Marcão ficou bravo quando tomou gol do Rogério Ceni”, afirma ex-goleiro Sérgio | OneFootball

“Marcão ficou bravo quando tomou gol do Rogério Ceni”, afirma ex-goleiro Sérgio

Logo: Arquibancada Tricolor

Arquibancada Tricolor

O ex-goleiro Sérgio, que atuou em 333 jogos com a camisa do Palmeiras, foi o entrevistado do BFE Sports Podcast e respondeu algumas perguntas sobre o atual técnico do Tricolor, e ex-goleiro Rogério Ceni.

Perguntado se havia sofrido algum gol do goleiro Tricolor, Sérgio lembrou que demorou para sofrer o primeiro e que o ex-goleiro Marcos sofreu o primeiro gol muito antes dele e que confidenciava ao colega:

Rapaz, tomar gol de goleiro é doído demais! Tomar gol de goleiro não dá“, teria dito Marcos, segundo as palavras de Sérgio.

Marcos sofreu o primeiro gol do M1TO no ano de 1999, no dia 17 de abril, quando São Paulo e Palmeiras empataram em 4 a 4 pelo Campeonato Paulista. O pênalti convertido por Rogério aos 37 minutos do segundo tempo, colocava números finais naquele empate eletrizante.

Ao contrário do colega Marcos, Sérgio sofreu seu primeiro gol do rival Tricolor em 20 de fevereiro de 2005, quando o São Paulo massacrou o Palmeiras por 3 a 0 no Morumbi, com um golaço de falta do capitão são-paulino.

Ainda sobre Rogério Ceni, Sérgio comentou que o goleiro estava no mesmo nível que ele e que seu colega Marcos, mas que Dida era o goleiro acima da média daquela geração. Para Sérgio, apesar de tudo que Rogério fez no São Paulo, o maior goleiro da história ainda é Zetti: “Pra mim, goleiro do São Paulo é o Zetti.”

Confira abaixo o episódio completo com o ex-goleiro Sérgio, no BFE Sports Podcast:

(Caso não consiga visualizar o vídeo, clique aqui)

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo