Manchester City deve oferecer a Messi despedida na MLS

Logo: Território MLS

Território MLS

Imagem do artigo: Manchester City deve oferecer a Messi despedida na MLS

A renovação de Pep Guardiola com o Manchester City/ING tem muito mais a ver com Lionel Messi e com a MLS do se pensa. Essa renovação com os Citizens é dita por jornalistas como “casada”, pois junto com a assinatura de Pep, Lionel Messi estaria incluso nesse pacote.

Mas de acordo com o The Times, a notícia de que o argentino encerraria a carreira na MLS volta a tona e digamos que esse noivado, além de casamento agendado, já teria bodas na relação Messi e City com início em Manchester e desembarque final em Nova Iorque.

O melhor exemplo para explicarmos como isso é possível é entendendo para quem o New York City, possível destino final de Lionel, “responde”. O nome de seus proprietários é o City Football Group, uma empresa criada com objetivo de construir, supervisionar e administrar uma rede de clubes e diversas áreas dentro do futebol, e que atua sob a tutela do Manchester City/ING e tem como matriz a Abu Dhabi United Group.

Frank Lampard, grande estrela do futebol Inglês na última decada, foi um dos atletas que fizeram um “estágio” na equipe de Manchester antes de desembarcar em Nova Iorque, e Messi teria uma proposta nos mesmo moldes.

O objetivo é fazer com que a relação de Lionel com o City Group seja ainda mais longeva dentro e fora de campo, já que a ideia é que antes de pendurar as chuteiras na MLS, Messi jogue ao menos um ano por uma das franquias do City – que tem como favorito o New York City – para que posteriormente se torne uma espécie de embaixador do grupo no mundo todo pós-aposentadoria.

Com a relação acidentada do argentino com o Barceona/ESPN, os Árabes esperam fechar a contratação de Messi já na próxima janela de transferência, mas o favorito a futura presidência do clube catalão disse que conta com o melhor do mundo para 2021.

Aos 33 anos, Messi ficará sem contrato no verão, e um acordo de preço reduzido pode convencer o Barça, que está com pouco dinheiro em caixa.

A expectativa para o argentino entrar no maior mercado comercial esportivo do planeta é grande, e para os amantes do Soccer, a certeza é de que ninguém terá nada contra este matrimônio.

(Capa: TerritorioMLS.com)