Mainz 05 rescinde com jogador que publicou mensagem de apoio à Palestina | OneFootball

Icon: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

·03 de novembro de 2023

Mainz 05 rescinde com jogador que publicou mensagem de apoio à Palestina

Imagem do artigo:Mainz 05 rescinde com jogador que publicou mensagem de apoio à Palestina

O Mainz 05, da Alemanha, anunciou nesta sexta-feira a rescisão do contrato do atacante holandês Anwar El Ghazi, após a abertura de uma investigação contra o jogador por possível “perturbação da ordem pública”, devido às suas mensagens sobre o conflito entre Israel e Hamas.

O clube da primeira divisão alemã escreveu na rede social X (antigo Twitter) que encerrou imediatamente a relação contratual com Anwar El Ghazi após as declarações e publicações do holandês nas redes sociais.


Vídeos OneFootball


Poucas horas antes, o Ministério Público de Koblenz anunciou a abertura de uma investigação. A Justiça alemã vai analisar se o jogador é culpado de “aprovar crimes relacionados com discurso de ódio”, explicou o MP de Koblenz à agência SID.

El Ghazi, nascido em Roterdã em uma família de origem marroquina, já havia sido suspenso pelo Mainz no dia 17 de outubro, após uma mensagem nas redes sociais sobre a guerra entre Israel e Hamas, que foi considerada “inaceitável” e incompatível com os “valores do clube”.

O Mainz anunciou no início desta semana que o jogador estava sendo reintegrado ao elenco depois de conversar com a diretoria. Ele lembrou que, no dia da polêmica, apagou a mensagem poucos minutos depois de ser repreendido pela repercussão.

No entanto, El Ghazi reiterou sua posição no Instagram na última quarta-feira, negando que tenha mudado de ideia em relação à mensagem inicial. “Não me arrependo nem tenho remorso da minha posição. Não me distancio do que disse nem de ser, hoje e até o meu último suspiro, a favor da humanidade e dos oprimidos”, afirmou o jogador, que também pediu o fim da matança em Gaza.

O jogador ficou sem clube a partir do dia 1º setembro, quando deixou o PSV Eindhoven e foi contratado três semanas depois pelo Mainz. Pelo clube alemão, esteve em campo em apenas três jogos, totalizando 51 minutos.

Saiba mais sobre o veículo