Luan falou sobre o Grêmio na apresentação ao Santos | OneFootball

Luan falou sobre o Grêmio na apresentação ao Santos

Logo: Portal do Gremista

Portal do Gremista

Luan está de casa nova. O ídolo do Grêmio foi oficialmente apresentado no Santos, clube que chega por empréstimo junto ao Corinthians, que visa que o atleta recupere seu futebol e que possa se converter em uma futura venda, para recuperar parte dos investimentos feito no atleta que não vingou no clube.

Já o Santos, em especial o técnico Lisca, que foi fundamental na chegada do atleta na Vila Belmiro, acredita que o Rei da América de 2017 pode retomar suas atuações que o levaram a ser um dos melhores jogadores do Brasil. Em sua apresentação, Luan falou de suas características que o consagraram no Grêmio.

- Publicidade -

“Eu não sou rápido, veloz, jogador de ponta. Mas desde o Grêmio consigo me movimentar bastante. No modo como o professor optar por jogar, minha movimentação vai ajudar muito. É deixar a bola para o ponta correr e a gente dar o passe”, comentou.

Passagem do ex-Grêmio pelo Timão

Contratado por R$ 29 milhões no fim do ano de 2019 pela equipe paulista, o meia-atacante era a grande esperança dos torcedores do Corinthians para um importante projeto de remodelação da equipe, na época encabeçada por Tiago Nunes. Contudo, o jogador não conseguiu retomar seu protagonismo que atingiu pelo Grêmio e foi perdendo espaço dentro do elenco. Com a chegada do técnico português Vitor Pereira, Luan virou carta fora do baralho.

“Eu vinha jogando com o Tiago Nunes. Fiz gols. Entrou a pandemia. Quando voltamos, não mantivemos o mesmo ritmo, não fomos bem como equipe, e eu também. Com a troca de treinador, eu não jogava. Ano passado pedi para jogar, voltei fazendo gol. Ajudei a chegar na semi do Paulista. Com a troca de treinador, perdi oportunidade. Sempre estava pronto para jogar. Tive uma lesão que me atrapalhou, mas já estava treinando normal. Aí era opção, não sei se da diretoria ou do treinador. Estava 100% preparado. Não entendi por que não estava jogando. Mas isso passou”, disse.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo