Lisca abre as portas para Luan e promete ajudá-lo no Santos: “Veio para a casa certa” | OneFootball

Lisca abre as portas para Luan e promete ajudá-lo no Santos: “Veio para a casa certa”

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

Recém-contratado, Luan vive a expectativa de estrear pelo Santos. Já regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, o meia-atacante deve estar à disposição de Lisca no próximo domingo, no duelo contra o América-MG, fora de casa, pela 22ª rodada do Brasileirão.

Após a vitória de 2 a 1 sobre o Coritiba, nesta segunda-feira, o técnico comentou pela primeira vez sobre a chegada do jogador de 29 anos. O comandante rasgou elogios ao ex-corintiano e prometeu ajudá-lo a recuperar o bom futebol.

“É um prazer enorme receber o Luan no Santos. O Santos está com vontade de abrir as portas para o Luan retomar o futebol que eu acompanhei muito de perto. Já conversei muito com o Renato (Gaúcho) sobre esse jogador. Já conversei duas ou três vezes com o Luan quando jogamos contra. E falei que ele tinha que jogar comigo, que eu ia dar confiança para ele”, disse.

“Entre as linhas, ele é um dos melhores do país. Mas ele precisa entrar no padrão tático, ter condições de retomada, fazer um jogo sem a bola, de fazer o serviço sujo também. Ele me dá uma opção de um meia que joga por trás do Marcos Leonardo ou Angulo. Ele pifa muito bem os jogadores. Ele tem que ser competitivo e aguerrido porque é o que o Santos pede. Ele foi muito bem recebido. Luan, pode ter certeza que você veio para a casa certa. Vamos juntos mostrar para o Brasil que você tem muita capacidade. Tudo no seu tempo”, completou.

Após treinar separado no último domingo, Luan irá se juntar ao grupo nas atividades no CT Rei Pelé a partir desta terça-feira. Ele não atua desde o dia 19 de fevereiro.

O meia-atacante chega ao Santos por empréstimo do Corinthians até o fim do Campeonato Brasileiro, com opção de renovação por mais uma temporada.

Natural de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, o atleta foi revelado nas categorias de base do Tanabi em 2012. Após passar por América-SP e Catanduvense, ele chegou no sub-20 do Grêmio em 2013.

Principal destaque na base gremista, Luan subiu aos profissionais no ano seguinte e assumiu protagonismo imediatamente. Ele liderou a equipe nas conquistas da Copa do Brasil de 2016, Conmebol Libertadores de 2017, Recopa Sul-Americana de 2018 e Bicampeonato Gaúcho entre 2018 e 2019.

Neste período, o meia ainda recebeu uma oportunidade na Seleção Brasileira e conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2016.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo