Líder x Z-4: veja quem chega com retrospecto positivo para o Choque-rei

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fesportenewsmundo.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F07%2F51199457545_8d8d9e5b8a_h.jpg&q=25&w=1080

O Morumbi recebe na noite deste sábado (31) o clássico Choque-Rei, às 19h (horário de Brasília), em partida válida pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

São Paulo e Palmeiras vivem momentos totalmente diferentes na competição. Em um jogo em que o adversário alviverde é o líder isolado da competição com 31 pontos, quem realmente chega com o retrospecto positivo para o duelo é quem figura o Z-4 da tabela com apenas 11 pontos somados em 13 partidas: o Tricolor.

Mesmo que a situações sejam adversas, o São Paulo pode apostar no retrospecto das últimas partidas: nas 10 vezes em que as equipes se enfrentaram, foram três vitórias para o Tricolor, seis empates e apenas uma derrota. Além de ter vencido por 2 a 0 o último confronto e conquistado o título paulista em cima do rival.

+ Para saber tudo sobre o Campeonato Brasileiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

O São Paulo de Crespo é o primeiro colocado da zona de rebaixamento e busca a reabilitação na competição diante de uma equipe que procura sua décima vitória seguida.

E o Palmeiras? Retrospecto no Morumbi não anima

O Palmeiras não vence o Choque-Rei há seis jogos. A principal preocupação do torcedor palmeirense é o retrospecto da equipe jogando contra o rival, principalmente no estádio do São Paulo, apesar dos números nos últimos 10 jogos serem equilibrados e as equipes com objetivos totalmente diferentes.

A última vitória do líder, equipe comandada hoje por Abel Ferreira, no Morumbi, foi no dia 30 de Outubro de 2019. Naquela ocasião Mano Menezes era o técnico e o Palmeiras venceu por 1 a 0 com gol de Carlos Eduardo.

A partida deste sábado será um aperitivo para o que está por vir, já que os dois clubes paulistas irão se enfrentar nas quartas de finais da Libertadores em agosto. E aí, torcedor, quem vence o Choque-Rei?

Saiba mais sobre o veículo