Klopp analisa altos e baixos do Liverpool | OneFootball

Klopp analisa altos e baixos do Liverpool

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

Com sua vitória por 3 a 1 sobre o Crystal Palace (13º), o Liverpool (2º) se aproximou do Manchester City, líder da Premier League, na 23ª rodada. O time do técnico Jürgen Klopp sofreu com os altos e baixos na partida.

“Foi um pouco de futebol no estilo Dr. Jekyll e Mr. Hyde hoje”, brincou Klopp (em alusão à obra ‘O médico e o monstro’ do escritor Robert Louis Stevenson) após um jogo em que sua equipe exibiu duas faces.

Apesar de não contar com suas duas estrelas africanas, Mohamed Salah e Sadio Mané, que disputam a Copa Africana das Nações, os ‘Reds’ foram irresistíveis durante a primeira meia hora, conseguindo sair em vantagem com gols de Virgil van Dijk (8) e Oxlade-Chamberlain (32).

Depois, a equipe comandada por Klopp diminuiu o ritmo e o Crystal Palace aproveitou para entrar em jogo depois de diminuir através do francês Odsonne Edouard (55).

O Liverpool passou por algumas dificuldades no segundo tempo, pois só conseguiu garantir a vitória quando o brasileiro Fabinho converteu um pênalti quase no fim (89) fazendo 3 a 1.

“Mostrou quão insanamente bons podemos ser e quão ruins também!”, acrescentou Klopp.

Mas houve muita polêmica em torno do pênalti a favor do Liverpool a um minuto do fim, após uma longa intervenção do VAR para analisar o lance em que Vicente Guaita interrompeu o avanço de Diogo Jota.

“Quando marcamos, havia jogo para tentarmos o empate. Mas o árbitro matou nossas pernas hoje”, disse o furioso treinador do Palace, o francês Patrick Vieira.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo