Kleina evita detalhes sobre saída de dupla na Ponte Preta: ‘Desejo o melhor’

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fesportenewsmundo.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F07%2F51320295010_fc82811582_c.jpg&q=25&w=1080

Gilson Kleina evitou dar detalhes a respeito das saídas do zagueiro Ruan Renato e do meio-campista Renatinho no início da semana na Ponte Preta.

Dupla foi desligada por parte da diretoria executiva, na última segunda-feira, após rescisão amigável junto à Macaca quatro meses antes do fim do contrato junto à Macaca.

“Eu prefiro falar que os jogadores que saíram são grandes jogadores e têm a minha referência. O que eu puder ajudar eles para o mercado… foram situações que foram decididas, com certeza, em comum acordo”, comentou o comandante, em coletiva de imprensa.

“É ver o que é melhor para Ponte Preta e o que é melhor para os atletas. A gente sempre deseja o melhor. É pensar no futuro e pensar no momento. Que seja tanto bom para eles, para os que podem chegar e, principalmente, para Ponte Preta”, emendou.

OFENSIVIDADE

Gilson Kleina admitiu trabalhar exaustivamente para fazer Ponte Preta, antes de encarar o CRB, evoluir no sistema ofensivo ao longo do primeiro turno na Série B do Campeonato Brasileiro

“Isso é uma busca que nós estamos fazendo a cada jogo que passa e tentando fazer os ajustes. Nós também somos uma equipe que cria. Precisamos ter a efetividade de transformar isso em gols e essa precisão de você ter a condição quando criar. O CRB é uma equipe que realmente tenta propor e põe muitos jogadores na última linha. É uma equipe que vem já mantendo o 11 titular e consegue repetir jogadores”, afirmou.

“É uma equipe que, principalmente dentro dos seus domínios, quer se impor. Então é um jogo em que nós vamos ter que ter essa inteligência e essa sabedoria, mas não abdicar do nosso futebol. Eu acho que, a cada fala que nós temos com o grupo, é que nós temos que ter uma identidade. Eu acho que, com a bola, todos têm a liberdade de jogar”, continuou.

“A gente sabe da responsabilidade quando perder ela para ser uma equipe coesa, uma equipe forte e uma equipe que possa ser competitiva o tempo todo. O nível de concentração tem que ser altíssimo para que a gente possa buscar essa segunda vitória. Fora de casa, é isso que nós estamos buscando para ter a sequência de resultado positivo”, finalizou.

TABELA

Em 17º lugar com 12 pontos, Ponte Preta volta a campo pela Série B do Campeonato Brasileiro no domingo, 1º de agosto, diante do CRB, em Maceió, no Estádio Rei Pelé, a partir das 18h15.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Saiba mais sobre o veículo