Justiça desportiva italiana absolve Juventus e Napoli em caso de fraude | OneFootball

Justiça desportiva italiana absolve Juventus e Napoli em caso de fraude

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

A justiça desportiva italiana absolveu nesta sexta-feira o conjunto de 11 clubes, entre eles Juventus e Napoli, e 60 dirigentes investigados por possíveis fraudes contábeis relacionadas a transferências de jogadores.

O Tribunal da Federação Italiana de Futebol (FIGC), embora ainda não tenha publicado suas motivações, parece dar razão por inteiro aos clubes, que negaram as acusações de superfaturamento nas vendas de alguns jogadores para apresentar superávits não justificados nas prestações de contas.

“O tribunal absolveu todos os clubes, dirigentes e administradores dos clubes que haviam sido pela promotoria”, anunciou a FIGC.

“As motivações serão publicadas nos próximos dias”, acrescentou a federação.

Além de Juventus e Napoli, outros três clubes da Serie A estavam sendo investigados no caso: Sampdoria, Genoa e Empoli.

A investigação também afetava dois clubes da segunda divisão (Parma e Pisa), dois da terceira divisão (Pescara e Pro Vercelli) e dois que já não existem: Novara e Chievo Verona.

Saiba mais sobre o veículo