Jamie Vardy se torna proprietário de time histórico no futebol dos Estados Unidos

Logo: Território MLS

Território MLS

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fterritoriomls.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F06%2Fvardy-rochester.jpg&q=25&w=1080

Vardy será dono do Rochester Rhinos, hoje licenciado, mas que fez história ao ser o único time de fora da MLS a ser campeão da Copa dos Estados Unidos 

O futebol norte-americano segue atraindo grandes nomes do esporte e também dos negócios. As franquias do soccer estão ficando famosas não só pelo que fazem em campo, mas também por seus donos, cada vez mais conhecidos no cenário mundial. 

Em Austin, temos o vencedor do Oscar, Matthew McConoghey, Drogba tem uma equipe em Phoenix, Hazard tem uma em San Diego, isso sem citar Beckham, Serena Willians, Pete Wentz e tantos outros.

  1. Por quê os famosos estão comprando times nos Estados Unidos?

O nome da vez é o do atacante inglês Jamie Vardy, do Leicester City. O Rochester Rhinos  anunciou em suas redes sociais que o  jogador se tornou um dos proprietários do clube, localizando em Rochester, New York, e que está licenciado desde a temporada 2017. O time pertence atualmente a estrutura da USL League One, terceira divisão dos Estados Unidos.

O Rhinos fez história no futebol norte-americano ao se tornar a única equipe a vencer a US Open Cup, copa dos Estados Unidos, após a chegada da MLS, em 1996. A temporada de ouro do Rhinos aconteceu em 1999, quando o time venceu o Colorado Rapids na grande decisão por 2 a 0 e conquistou o título.

Fundado em 1996, o Rochester Rhinos sempre jogou nas divisões inferiores. Na temporada 2015, o  agora time de Jamie Vardy, foi campeão da USL Championship, segunda divisão do país. Em 2018, alegando problemas financeiros, o time “caiu” para a terceira divisão e entrou em hiato para reorganizar a casa. Um retorno aos gramados é esperado para os próximos anos.

Resta saber se Vardy seguirá os passos de Drogba e virá vestira a camisa do time que é dono ao fim de sua passagem na Europa.

(Capa: Twitter Rochester Rhinos)

Saiba mais sobre o veículo