Isaquias Queiroz planeja encerrar carreira após as Olimpíadas de Paris, em 2024 | OneFootball

Isaquias Queiroz planeja encerrar carreira após as Olimpíadas de Paris, em 2024

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

O remador e campeão olímpico Isaquias Queiroz fez um anúncio importante neste domingo. Aos 28 anos, o atleta planeja encerrar sua carreira após os Jogos Olímpicos de Paris em 2024.

O brasileiro comentou  que deve finalizar sua carreia após a próxima edição das Olimpíadas, mas não descartou que seja apenas uma pausa.

“Minha vontade, hoje, não vou mentir, é de aproveitar a vida, mas eu acredito que dá para ganhar mais medalhas. Meu objetivo hoje é até Paris, depois de Paris, aí sim, com fé em Deus, eu pretendo dar uma parada na carreira ou parar de vez”, disse à TV Globo.

Isaquias explica que a decisão foi tomada devido à sua idade. Apesar de ser novo, o remador não vê margem para seguir atuando competitivamente.

“Penso em parar depois de Paris pela idade. Me dizem, ‘poxa, mas você é novo’, mas no esporte começa novo e termina novo também. Então, no máximo até os 30 ali, aí penso na próxima Olimpíada, em 2028 acho que já não chego”, explicou.

“Eu podia muito bem falar ‘não, eu tenho nível para ficar remando no Brasil até os 38 anos, por aí’, mas será que eu vou estar ganhando medalha? Não quero manchar minha carreira. A minha carreira eu quero que seja carreira de vitorioso. Por isso que eu ganho todo dia”, concluiu.

Com participações nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, e 2020, em Tóquio, Isaquias Queiroz acumula quatro medalhas. Em 2016, entrou para história ao se tornar o primeiro brasileiro a conquistar três medalhas em uma só edição dos Jogos Olímpicos, com duas pratas e um bronze. Em 2020, conquistou a medalha de ouro na prova de 1000 metros da categoria C1.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo