Inter goleia Fluminense no Beira-Rio e mantém esperança de vaga direta na Libertadores | OneFootball

Inter goleia Fluminense no Beira-Rio e mantém esperança de vaga direta na Libertadores

Logo: Vozes do Gigante

Vozes do Gigante

O Dia dos Pais foi feliz no Beira-Rio. Com 3 a 0 diante do Fluminense, gols de Bustos, Alemão e De Pena, o time de Mano Menezes ameniza momentaneamente as vaias e os protestos dos Colorados pela eliminação na Copa Sul-Americana e segue na briga pela vaga direta na Libertadores de 2023.

Após a eliminação para o Melgar, Mano Menezes decidiu por uma escalação padrão no Beira-Rio. A pequena torcida que esteve presente na casa Colorada não poupou os desclassificados na Sul-Americana. Taison foi o mais vaiado quando da escalação da equipe no telão. Por outro lado, Pedro Henrique, mesmo no banco, foi o mais aplaudido.

Daniel levou o primeiro susto logo aos nove minutos. Após um cruzamento da direita, Cano meteu uma folha seca no canto esquerdo, mas a bola bateu na zaga e saiu para escanteio. A resposta do Inter era sempre pela esquerda, com Renê e De Pena. Alguns lampejos de velocidade, com Wanderson, também eram realidade. Mas os defensores do Fluminense costumavam ganhar as investidas.

A grande bola do primeiro tempo para o Inter se deu aos 24 minutos. Da direita, após uma cobrança de lateral, a disputa de bola sobrou para o domínio de De Pena na entrada da área. O uruguaio dominou no peito e bateu de primeira, com a bola passando rente ao poste do goleiro Fábio. Uma boa oportunidade em uma fraca etapa inicial Colorada no Beira-Rio.

Com 31, Wanderson venceu o marcador na velocidade e chutou forte, deslocando Fábio. A bola estourou na trave e quase tirou o zero do placar.

Foi com 37 minutos que o Inter deu alegria ao torcedor. Na bola recuperada por Johnny, o volante encontra Bustos em profundidade e o argentino, melhor jogador do Inter na temporada, estufou o pé e colocou até o goleiro Fábio para dentro do gol!

O Fluminense voltou melhor para a etapa final. Os primeiros 10 minutos de partida foram de pressão do time carioca. Fechado, o time de Mano buscava o contra-ataque. Com Felipe Melo na vaga de Manoel, a defesa adversária se postava mais pesada e forte.

Acontece que aos 18 minutos houve um gol Colorado e o VAR anulou em um impedimento inexistente. Alemão, que participa da jogada, estava no campo de defesa. O árbitro de vídeo encontrou um pé do atacante no lado do Fluminense e anulou o que seria o tento de Maurício.

O dia era do Inter, felizmente. A imagem abaixo fala mais que mil palavras:

Já nos acréscimos, De Pena mandou uma pintura de fora da área. Um golaço!!!

Com a goleada, o Inter se mantém na sexta colocação do Brasileirão, com 36 pontos e embora tudo na briga pelo G-4. O Flamengo, vice-líder, tem 39. Enquanto isso, o Palmeiras, com 48 pontos, praticamente garante mais uma taça do campeonato nacional.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo