Infantino visita México para revisar avanços nos preparativos para Copa de 2026 | OneFootball

Infantino visita México para revisar avanços nos preparativos para Copa de 2026

Logo: Gazeta Esportiva.com

Gazeta Esportiva.com

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, se reuniu com o presidente do México, Andrés López Obrador, para conversar sobre os preparativos para a Copa do Mundo de 2026. Os mexicanos organizarão o evento em conjunto com Estados Unidos e Canadá.

De acordo com Ebrard, López Obrador informou a Infantino que os trabalhos estão “bastante avançados” e que será iniciada “uma série de adequações nos estádios”.

Na candidatura apresentada à Fifa para a organização da Copa, o México tem três sedes preliminares: o estádio Azteca na capital, o estádio BBVA em Monterrey e o estádio Akron em Guadalajara.

Confira os grupos da Copa do Mundo de 2022

Em seu perfil no Twitter, López Obrador publicou que “ajudará no tempo que nos resta para dar alegria ao povo e fomentar o esporte”, já que não estará na presidência do México em 2026, pois seu mandato se encerra dois anos antes.

Em sua visita, Gianni entregou ao presidente mexicano uma camiseta azul da Fifa com o número 10 e o nome de López Obrador nas costas.

Infantino no estádio Azteca

Nesta visita, Gianni Infantino esteve acompanhado por Yon de Luisa, presidente da Federação Mexicana de Futebol, e pelo empresário Emilio Azcárraga Jean, proprietário do América do México.

Depois de encontrar López Obrador, o presidente da Fifa foi ao estádio Azteca, na zona sul da Cidade do México. “O México é um dos países mais importantes no mapa do futebol mundial, é um país com uma história e uma cultura de futebol incríveis”, comentou no campo do emblemático estádio. “Para mim, estar aqui e poder trabalhar com este país é fantástico, e não somente para a próxima Copa, mas também por uma expansão do futebol na América do Norte com um impacto mundial”, completou.

Veja fotos da cerimônia da Copa do Mundo em Doha

Para sediar a Copa do Mundo de 2026, o estádio, inaugurado em 1966, passará por uma reforma.

Sobre o assunto, Infantino disse que o local “manteve sua alma, algo que outros estádios modernos, que são muito lindos, perderam. Agora o desafio é manter esta alma e modernizar o estádio, que é algo que está sendo bem feito, segundo os planos que tenho visto. Temos que manter a magia deste estádio”.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo