Há 92 anos, Corinthians vencia o Palestra e conquistava, invicto, seu sétimo Paulista | OneFootball

Há 92 anos, Corinthians vencia o Palestra e conquistava, invicto, seu sétimo Paulista

Logo: Central do Timão

Central do Timão

  1. Por Nágela Gaia / Redação da Central do Timão

Em 1º de dezembro de 1929, o Corinthians se sagrava campeão Paulista pela APEA, conquistando seu sétimo título da competição de forma invicta.

Foto: Reprodução jornal da época/Timoneiros

O Alvinegro venceu os sete jogos que disputou, marcou 33 gols e sofreu apenas oito. Dos sete jogos, três foram vencidos com goleadas: venceu a Portuguesa por 7 x 1, o Santos por 4 x 1 e, na última rodada, confirmou o título vencendo o Palestra Itália, por 4 x 1.

Foto: Reprodução jornal da época/Timoneiros

O jogo foi um grande acontecimento na cidade de São Paulo. Bondes extras foram disponibilizados para os torcedores, e os portões do estádio foram fechados faltando 30 minutos para o início da partida. O público presente foi calculado em torno de 20 mil torcedores.

Ao Corinthians bastava o empate para se tornar campeão, mas o que se viu, segundo registros da época, foi um passeio para cima do Palestra Itália, que jogou grande parte da partida com 10 em campo, por ter um atleta lesionado logo no primeiro tempo.

O Timão foi a campo com Tuffy, Grané, Del Debbio, Nerino, Guimarães, Munhoz, Filó, Peres, Gambinha, Rato e De Maria, comandado por Amílcar Barbuy. Os gols do Corinthians foram marcados por Filó, Gambinha e De Maria, duas vezes.

“o bando de calção preto”, assim se referiu o jornal ao Corinthians campeão de 1929 e acusou Del Debbio de lesionar propositalmente o jogador do Palestra. Foto: Reprodução jornal da época/Timoneiros

O Corinthians conquistou 30 campeonatos estaduais até os dias atuais, sendo o maior Campeão Paulista da história. Seu último título, conquistado em 2019, coroou seu terceiro Tricampeonato Paulista.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo