Guto Peixoto sai em defesa da gestão de Romildo Bolzan no Grêmio | OneFootball

Icon: Portal do Gremista

Portal do Gremista

·22 de setembro de 2022

Guto Peixoto sai em defesa da gestão de Romildo Bolzan no Grêmio

Imagem do artigo:Guto Peixoto sai em defesa da gestão de Romildo Bolzan no Grêmio

Do quadro antigo no Grêmio, os dirigentes Denis Abrahão e Sérgio Vasques deixaram o clube. As saídas, em especial a de Denis Abrahão, refletiram também no ano eleitoral do Tricolor, já que o ex-vice de futebol seria o candidato da chapa da atual gestão. Diante disso, Carlos Biedermann, presidente do Conselho Deliberativo, foi sondado para o pleito, mas acabou recusando o convite de Romildo Bolzan.

Guto Peixoto defende atual mandatário do Tricolor

- Publicidade -

Recentemente, a atual direção lançou a candidatura da chapa, o nome é Guto Peixoto, membro do Conselho Deliberativo. O candidato falou na sua apresentação e admitiu ser uma disputa acirrada diante dos outros postulantes.

Guto é um dos dirigentes que auxilia Romildo desde as saídas do quadro da direção há duas semanas. Ele concedeu entrevista para a Rádio GreNal e defendeu a atual gestão das críticas recebidas.

“Peço que os torcedores observem o filme e não a foto da nossa gestão”, disse o candidato à presidência.

Grêmio tenta reverter a punição dos mandos de campo

- Publicidade -

A equipe gaúcha foi punida com a perda de três mandos de campo pela Série B. A direção, liderada por Romildo Bolzan, entrará com um pedido de suspensão da decisão. Se caso a punição permanecer, o Tricolor não jogará mais na arena em 2022.

As partidas marcadas em Porto Alegre até o final da Segunda Divisão são contra CSA, Bahia e Brusque. O presidente falou sobre a situação após a vitória sobre o Sport por 3 a 0. O mandatário acredita na reversão e na possibilidade do Imortal seguir mandando os jogos

Saiba mais sobre o veículo