Guarani triunfa diante do Remo, mas ainda não se firma no G4

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

Guarani e Remo se enfrentaram nesta terça-feira (21), no Estádio Brinco de Ouro, em partida válida pela 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Em um duelo movimentado, mas razoavelmente tranquilo para os donos da casa, o Bugre foi capaz de assegurar a vitória pelo placar de 2×0, com gols de Júlio César e Bruno Sávio.

Diante do resultado, a equipe de Daniel Paulista até mesmo entrou no G4 momentaneamente, já que chegou aos 41 pontos e melhorou o saldo de gols a ponto de passar o CRB, então quarto colocado. Porém, a torcida contra seu rival direto – que disputou seu jogo na rodada horas depois do Guarani ter vencido – não foi efetiva, obrigando os torcedores bugrinos a ver o clube alagoano conquistar os três pontos diante do Brasil de Pelotas e, assim, relegar o Bugre de volta ao quinto lugar.

O JOGO

Sendo pressionado no primeiro momento da partida, quem tomou a iniciativa ofensiva foi o Remo. Porém, com o perigo contido por Rafael Martins, o Bugre começou sua dominância que perdurou até o final dos primeiros 45 minutos. Com diversas chances já nos primeiros 10′, não demorou até os donos da casa marcarem pela primeira vez; a partir de um chute de fora da área que desviou em um jogador do clube paraense, Júlio César foi o responsável por inaugurar o placar, aos 18 minutos.

Indisposto a diminuir o ritmo e dar chances de reação ao adversário, o Guarani seguiu com um volume ofensivo alto, pressionando para aumentar a vantagem. Aos 34 minutos, Júnior Todinho foi capaz de acertar a meta adversária, porém o gol foi posteriormente anulado pelo VAR, que alegou impedimento do centroavante bugrino. O grito de gol, porém, não ficou muito tempo entalado na garganta dos torcedores do clube campineiro, já que aos 44 minutos Bruno Sávio completou, de cabeça, um escanteio cobrado por Régis e, enfim, ampliou a vantagem do Bugre.

Menos movimentada, a segunda etapa foi marcada pelos esforços do Leão em buscar reverter o placar, enquanto a equipe de Daniel Paulista somente administrou o resultado. As melhores chances vieram dos pés de jogadores do clube paraense; logo nos minutos iniciais, Rafael Jansen acertou um chute que passou rente à meta de Rafael Martins, enquanto aos 36′, em uma bola levantada na área bugrina, Rafael precisou ser acionado para evitar um gol adversário. Apesar do ímpeto ofensivo, o Remo foi incapaz de converter as chances que criou e, assim, concedeu a vitória ao Guarani.

Para saber de tudo do GUARANI, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

FALA DANIEL PAULISTA!

“Estamos muito felizes com mais uma vitória e o aumento da invencibilidade. Gostaria de ressaltar a força desse grupo, todos vêm buscando seu espaço, com muito afinco, comprometimento e isso é um dos pontos extremamente importantes que fazem o Guarani buscar essa campanha”, disse o comandante.

Daniel ainda destacou a resiliência do time não só diante dos perigos oferecidos pelo adversário, mas também em relação às condições climáticas que se manifestaram durante o duelo. “O jogo às 16h potencializou esse desgaste pela temperatura, umidade, mas nossa equipe está preparada. Durante toda a competição vem demonstrando um porte físico muito bom,  demonstrado maturidade em acelerar o jogo em alguns momentos e em outros ser mais prudente. Estou muito satisfeito”.

TABELA

Em quinto lugar na tabela, ostentando 41 pontos, o Bugre volta a campo pela Série B do Campeonato Brasileiro no próximo sábado (25), diante do Coritiba, no Estádio Couto Pereira às 21h.

Saiba mais sobre o veículo