Governo do Rio projeta futebol com 50% de capacidade nos estádios

Onefootball

Luiz Signor

Imagem do artigo: Governo do Rio projeta futebol com 50% de capacidade nos estádios

O plano para retomada das atividades elaborado pelo Governo do Rio de Janeiro fala sobre eventos esportivos. E eles voltariam a ser disputados com lotação máxima de 50% da capacidade dos estádios e distância mínima de 2 metros entre os torcedores.

O “Pacto social pela saúde e pela economia do Estado do Rio de Janeiro” possui três fases de retorno, que são as bandeiras vermelha, amarela e verde.

Fases que são relacionadas diretamente a gatilhos como taxa de ocupação de leitos de UTIs e taxa de crescimento de novos casos de Covid-19 negativa. O futebol só seria retomado na bandeira amarela.

Para isso, as taxas de ocupação dos leitos de UTI precisarão estar entre 70% e 90% e a taxa de novos casos da doença teria que ser negativa nos últimos sete dias.

Os profissionais precisarão ser submetidos a testes para Covid no retorno aos treinos. Todos os presentes terão a temperatura aferida, as arquibancadas e áreas comuns serão desinfectadas e a preferência será por treinos e jogos em ambientes abertos.

A bandeira vermelha indica arenas esportivas – além de escolas, universidades e cinemas – com funcionamento impedido pelo fato de a taxa de ocupação de UTIs ser superior a 90%.

Já na bandeira verde, os eventos são permitidos com recomendações de medidas de higiene e boas práticas. Não há uma menção à realização de jogos com portões fechados.


Foto: Mauro Pimentel/AFP via Getty Images