Foto vazada de Guerrero gera tensão nos bastidores do Inter

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

A situação de Paolo Guerrero no Internacional está difícil. O atacante teve uma foto sua vazada nas redes sociais por um médico durante a aplicação de uma injeção no joelho do atleta. Diante disso, muitas especulações foram levantadas e o sinal de alerta foi ligado no Beira-Rio.

Isso porque Guerrero voltou a sentir problemas no joelho operado e procurou auxílio externo sem o conhecimento do clube. A foto foi divulgada pelo próprio médico, conhecido como Contillo. Em entrevista ao portal GZH, ele disse que o irmão de Guerrero entrou em contato com ele e explicou a situação nas últimas semanas.

O encontro entre eles se deu durante a data FIFA e o jogador apresentava inflamação no local operado. Ainda segundo o médico, Guerrero aceitou usar um novo medicamento, chamado de “fibroquel”. O relato garante que o peruano teve sua inflamação curada em três dias. De volta a Porto Alegre, atuou normalmente com a camisa colorada.

Além disso, Contillo afirmou que os procedimentos foram informados ao departamento médico do Inter, que nega. Incomodado com o vazamento das informações, Guerrero desmentiu a história. Segundo pessoas próximas ao atacante, o jogador acredita que o médico esteja se promovendo em cima de seu nome. Veja a nota oficial:

“O atleta Paolo Guerrero esclarece que o processo de recuperação da sua lesão no joelho foi todo conduzido pelo Departamento Médico do Internacional. Médicos e fisioterapeutas do clube foram e seguem sendo os únicos responsáveis pelo acompanhamento e tratamento do atleta”, dizia a nota.

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo