Fora de casa, San Jose Earthquakes sofre gol olímpico, mas vence LA Galaxy no CaliClasico | OneFootball

Fora de casa, San Jose Earthquakes sofre gol olímpico, mas vence LA Galaxy no CaliClasico

Logo: Território MLS

Território MLS

LA Galaxy sofre segunda derrota consecutiva ; San Jose Earthquakes entra na zona de playoffs e “seca” o Portland Timbers para seguir no grupo que avançará para a pŕoxima fase da MLS

Na noite desta sexta-feira (20) LA Galaxy recebeu o San Jose Earhquakes no Dignity Health Sports Park, pela Semana 20 da Major League Soccer. O California Clasico, nome que se dá ao confronto entre as duas equipes, recebeu as franquias em momentos distintos. O Galaxy, precisando se recuperar da derrota na rodada passada, não conseguiu impor seu ritmo de jogo e perdeu por 2 a 1 para os Quakes, podendo perder a terceira colocação para o Colorado Rapids, que joga neste sábado (21). Com o triunfo, os visitantes chegaram aos 26 pontos,  ultrapassando o Portland Timbers e assumindo a sétima colocação da Conferência Oeste, dentro da zona de classificação para os playoffs da MLS. Os gols foram marcados por Jeremy Ebobisse e Hämäläinen, contra. Do lado do Galaxy, que segue na terceira colocação no Oeste com 35 pontos, Victor Vázquez marcou um gol olímpico, mas insuficiente para impedir a derrota.

  1. Quer assistir UM MÊS DE MLS NA FAIXA? Assine AGORA mesmo o DAZN e tenha 30 dias grátis! Clique AQUI!

O JOGO

O início do confronto teve um San Jose intenso e chegando bem a área do Los Angeles logo antes dos cinco minutos com Jonathan Bond evitando o que seria um gol relâmpago de Marcos López.O ritmo não se manteve ao longo da primeira etapa. O jogo foi se tornando cada vez mais físico e faltoso, o que já era de se esperar por se tratar de um clássico.

A próxima grande chance clara de gol do confronto saiu dos pés de Abecasis. Após Salinas costurar para dentro da defesa do Los Angeles, o argentino chutou de esquerda no ângulo do goleiro e acertou o travessão. Minutos depois começou uma confusão generalizada, qual teve início com Kelvin Cabral e Remedi.

O Galaxy melhorou e começou a construir boas jogadas. Em boa troca de passe, a bola achou Alvarez que esbanjou todo seu talento para passar pela defesa do San Jose e quase abriu o placar. Ainda deu tempo de Ebobisse parar 2 vezes em Jonathan Bond, o destaque do primeiro tempo, no minuto final da etapa inicial do jogo.

Na volta do confronto, Bond estava lá de novo para impedir e frustrar o ataque do San José. Aos 46′, após escanteio, Ebobisse de novo parou no goleiro americano.

Depois de diversas tentativas, finalmente o atacante do Quakes superou seu rival e abriu o placar.  Abecasis cruzou em direção a área e Ebobisse cabeceou não deu chances para o goleiro.

Com o gol, Greg Vanney promoveu mudanças e uma delas foi Victor Vazquez. O espanhol já tinha construído grandes chances de gol para seus companheiros de time mas foi em um escanteio, aos 65′, que ele empatou o jogo com um gol olímpico. Mas o resultado não permaneceu por muito tempo.

Cinco minutos depois, Chofis, Eduardo Lopez, tentou cruzar pra dentro da área do Los Angeles, a bola desviou e morreu dentro do gol dos anfitriões. O LA Galaxy tentou igualar o placar, porém não conseguiu, mesmo pressionando muito pelo resultado, assim, saiu derrotado do California Clasico.

MELHORES MOMENTOS

FICHA TÉCNICA

LA Galaxy – 1 Bond; Araujo, DePuy (Victor Vázquez), S.Coulibaly, Hämäläinen; Sacha Kljestan (Jonathan Dos Santos), Raveloson, Lletget (Derrick Williams), Kévin Cabral,  Alvarez (Grandsir), Joveljic,. Téc: Greg Vanney

San Jose Earthquakes – 2 Marcinkowski; Luciano Abecasis (Cade Cowell), Alanis, Beason, M. Lopez; Judson (Andrés Rio), Remedi (Chris Wondolowski); Eduardo López (Paul Marie), Yueill, Shea Salinas (Carlos Fierro), Ebobisse. Téc: Matias Jesus Almeyda

Gols: Victor Vázquez (LA Galaxy); Jeremy Ebobisse e Hämäläinen (Gol contra) (San José Earthquakes) Cartões amarelos: Kelvin Cabral e Jonathan Dos Santos (LA Galaxy); Abecasis, Remedi e Marcinkowski Cartões vermelhos: Nenhum Público: 17.568 torcedores

(Capa: Reprodução/Twitter/San Jose Earthquakes)

Saiba mais sobre o veículo