Flamengo acerta detalhes com Fulham e encaminha venda de Rodrigo Muniz

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fmercadodofutebol.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F07%2Frodrigo-muniz-flamengo-min-1.jpg&q=25&w=1080

A venda de Rodrigo Muniz está próxima de ser confirmada. Na tarde desta quinta-feira (29), o CEO do time Fulham, Alistair Machintosh, entrou em contato com Bruno Spindel, diretor executivo do Flamengo, e garantiu que irá enviar uma proposta de compra pelo centroavante nas próximas horas. O intuito é fechar a contratação nesta sexta-feira (30).

Inicialmente, o clube inglês fez proposta por empréstimo com opção de compra. Depois, mudou para obrigação de compra, mas o Flamengo exigia que o modelo da negociação fosse de forma definitiva. Por sua vez, o Fulham topou e irá pagar 6 milhões de euros à vista (R$ 36,24 milhões) + 2 milhões de euros (R$ 12,08 milhões) em uma segunda parcela.

O valor é referente a 80% dos direitos econômicos. Então, o Flamengo irá manter 20% dos direitos econômicos do jogador. A preferência do Rubro-Negro era vender Muniz para o Middlesbrough, também da Inglaterra. O clube carioca tinha uma proposta de compra e mãos e não estava confiando que o Fulham faria também.

Dessa forma, pela desconfiança da diretoria do Flamengo, o CEO do Fulham fez questão de ligar diretamente para Bruno Spindel para costurar os detalhes finais. Ele garantiu que o documento oficial chegará em breve, com a assinatura do dono do clube. O dirigente mora nos Estados Unidos e está em fuso horário diferente.

Por fim, a venda de Rodrigo Muniz caminhou bem, porque um dos empresários do jogador viajou até Lisboa, em Portugal, onde Bruno Spindel e Marcos Braz estão na Europa em busca de reforços. Então, lá, o representante se reuniu com eles, alinhou toda a situação e aparou as arestas que emperravam a transação.

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo