Fazendo as Contas: Ainda mais perto | OneFootball

Fazendo as Contas: Ainda mais perto

Logo: Guerreiro dos Gramados

Guerreiro dos Gramados

O Cruzeiro derrotou o Tombense na última rodada, virtualmente um dos confrontos mais difíceis do returno atuando no Mineirão, e deu mais um passo gigantesco rumo ao acesso à Série A,

Projetando o que a Raposa precisa fazer nas rodadas finais para confirmar o seu retorno à primeira divisão nacional, o Fazendo as Contas expõe que falta muito pouco e evidencia uma realidade. O time celeste pode fazer campanha de Z-4 nas rodadas restantes que, ainda assim, conquistará o seu objetivo.

É evidente que a torcida espera mais e torce para a manutenção da ótima campanha que pode garantir o acesso com bastante antecedência, mas os números já funcionam até como uma terapia de contenção de nervos. Mesmo em uma rodada que três dos cinco perseguidores mais próximos venceram, aumentando a projeção de pontos para o acesso, a Raposa colocou mais três pontos na conta e ficou ainda mais próxima da subida. E na prática, como é possível ver abaixo, o Cruzeiro sequer precisa pontuar fora de casa e mesmo com alguns tropeços em casa estará novamente no lugar de onde nunca deveria ter saído.

Vamos as contas (segundo o site chance de gol)

Meta: Subiu de 63 para 64 pontos

Aproveitamento necessário: Caiu de 33,3% para 31,3% (inferior ao da Chapecoense, 16ª com 36,4%)

Resultados almejados: 4 vitórias, 3 empates e 9 derrotas.

Chances de título atingindo esta meta: Menos de 50%. (80 pontos é a pontuação atual que confere mais de 90% de chance de título)

Chances de acesso atingindo esta meta: Mais de 95%.

Chances de rebaixamento atingindo esta meta: 0%.

Chances de título do Cruzeiro: Subiram de 81,8% para 86,8%.

Chances de acesso do Cruzeiro: Subiram de 99,95% para 99,99%

Chances de permanência na Série B do Cruzeiro: Inferior a 0,01%

Chances de rebaixamento do Cruzeiro: Inferior a 0,01% .

Projeção

Londrina (F) – 0 pontos.

Chapecoense (C) – 3 pontos.

Grêmio (F) – 0 pontos.

Náutico (C) – 3 pontos.

Sampaio Corrêa (F) – 0 pontos.

Criciúma (C) – 1 ponto.

Operário (C) – 1 ponto.

CRB (F) – 0 pontos.

Vasco (C) – 0 pontos.

Ponte Preta (F) – 0 pontos.

Ituano (C) – 1 ponto.

Sport (F) – 0 pontos.

Vila Nova (F) – 0 pontos.

Guarani (C) – 3 pontos.

Novorizontino (F) – 0 pontos.

CSA (C) – 3 pontos.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo