Enfermeira corinthiana é primeira brasileira a receber vacina contra o coronavírus; clube comemora

Logo: Meu Timão

Meu Timão

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fcdn.meutimao.com.br%2F_upload%2Fnoticia%2F2021%2F01%2F17%2Fprimeira-brasileira-vacinada-e-corinthiana_m3941w.jpg&q=25&w=1080

O Brasil deu passo histórico neste domingo. Horas depois da Anvisa aprovar as vacinas do Instituto Butantan e da Fiocruz, o Governo de São Paulo começou a aplicar a Coronavac. E a primeira paciente vacinada tem ligação com o Corinthians.

Mônica Calazans, enfermeira de Itaquera e torcedora do clube, trabalha na linha de frente contra o Covid-19 desde o início da pandemia e recebeu a primeira dos da vacina. Nas redes sociais, o clube comemorou o momento.

"Parabéns, Mônica Calazans. Saber que a primeira brasileira vacinada contra a Covid-19 é uma enfermeira corinthiana de Itaquera é algo que comove a todos nós. A Fiel inteira te abraça no simbolismo e na esperança trazida por este momento", escreveu o perfil oficial do Corinthians - veja publicação abaixo.

Além da alvinegra, outros enfermeiros já começaram a ser vacinados pelo Estado, que tinha plano previsto para a próxima semana, mas antecipou para esta segunda-feira. Estima-se que o Instituto Butantan já tenha desenvolvido 10,8 milhões de dose da Coronavac, que também será utilizada pelo Ministério da Saúde em outros estados.

Homenagem

Em seu perfil, o presidente Duilio Monteiro Alves também comemorou o momento marcante e convidou Mônica Calazans para uma visita ao Parque São Jorge, onde deve receber homenagem do clube.

"Hoje, uma corinthiana de Itaquera fez história. Para a enfermeira Mônica Calazans, a primeira pessoa vacinada contra o coronavírus no país, meu desejo de muita saúde em nome da Fiel e já faço o convite para que ela venha ao Parque São Jorge para uma merecida homenagem", escreveu o mandatário.

Confira a publicação do Corinthians