Determinado a deixar saudade, Álvarez comanda o massacre do River Plate com seis (!) gols | OneFootball

Determinado a deixar saudade, Álvarez comanda o massacre do River Plate com seis (!) gols

Logo: Trivela

Trivela

Em circuito de despedida pelo River Plate antes de se apresentar ao Manchester City, Julián Álvarez parece determinado a deixar muita saudade e nesta quarta-feira marcou seis (!) vezes para comandar o massacre do River Plate, que fechou a fase de grupos da Libertadores com a segunda melhor campanha após golear o Alianza Lima por 8 a 1 no Monumental de Núñez.

Com os seis gols (como chama? hat-trick duplo?), Álvarez igualou o recorde de tentos marcados por um jogador em uma mesma partida que datava de 1985, com o argentino Juan Carlos Sánchez, do Blooming, na vitória por 8 a 0 sobre o Deportivo Italia. É obviamente também a primeira vez que um jogador do River Plate coloca tantas bolas na rede durante 90 minutos de futebol de Libertadores.

A goleada ajudou o River Plate a ficar com a segunda melhor campanha da fase de grupos, atrás do Palmeiras que ganhou todos os jogos. O time argentino chegou a 16 pontos, igual ao Flamengo, mas com 15 gols de saldo, contra nove dos rubro-negros. O Alianza Lima foi o lanterninha do grupo que também teve o Fortaleza classificado às oitavas de final, e o Colo-Colo na Sul-Americana.

O Alianza Lima começou a acrescentar mais uma marca negativa à sua história recente a Libertadores, pela qual não ganha um jogo desde 2012, logo aos 15 minutos, quando Álvarez recebeu de Santiago Simón atacando o espaço e tocou na saída do goleiro Ángelo Campos. Três minutos depois, Simón cruzou da direita e conseguiu sua segunda assistência com Álvarez se esticando de carrinho para completar. Ele completou a tripleta ainda no primeiro tempo com uma batida forte de fora da área.

Santiago Simón quebrou a sequência, no começo da etapa final, mas Álvarez voltou às redes aos nove minutos, marcando o quinto gol do River Plate ao roubar a bola do goleiro quase na pequena área. Ampliou com um toque de muita classe por cima de Campos e, depois de Elías Gómez anotar o sétimo, fechou o seu show com um forte chute cruzado de perna esquerda após entrar na área driblando.

No aguardo do seu novo reforço, o CEO do Manchester City, Ferran Sorriano, disse nesta quarta-feira que recebeu várias propostas pelo empréstimo de Álvarez, mas o atacante argentino de 22 anos fará a pré-temporada com o campeão inglês e, pelo menos em um primeiro momento, permanecerá. Não é difícil entender por quê.

Saiba mais sobre o veículo