🎥 De virada, Ceará vence o Bahia e abre vantagem para ser campeão

OneFootball

Luiz Signor

Imagem do artigo: 🎥 De virada, Ceará vence o Bahia e abre vantagem para ser campeão

Campeão em 2015 ao superar o Bahia, o Ceará está próximo de ser algoz do Tricolor na Copa do Nordeste mais uma vez.

Neste sábado (1), o ainda invicto Vozão derrotou o rival, de virada, por 3 x 1, em Pituaçu, pela ida da decisão da Lampions League-2020.

Agora, o Alvinegro de Porangabussu pode até ser derrotado por um gol de diferença na próxima terça (4), novamente em Pituaçu, que levará o seu segundo título no torneio.

Em busca da quarta taça, o Bahia precisa de uma vitória por três gols para ser campeão no tempo regulamentar. Triunfo por dois leva a decisão para os pênaltis.

⏱️Primeiro tempo

O Bahia tinha mais a posse da bola, mas encontrava dificuldade para ter espaço contra um Ceará bem postado.

Apenas uma jogada individual poderia fazer a diferença. E Élber tentou. Se livrou de dois, mas não conseguiu uma boa conclusão.

E bastou um erro para sair o primeiro gol. Flávio roubou a bola de Fabinho e deixou Fernandão na boa para fazer 1 x 0 Bahia.

Só que não deu tempo de o Tricolor aproveitar a vantagem graças ao terceiro gol de Fernandão desde a retomada do futebol.

O tiro de meta cobrado por Prass foi seguido de uma trombada de Juninho Capixaba com Anderson, que deixou Fernando Sobral livre. E ele empatou.

Os gols “contribuíram” para o ritmo do nível do jogo aumentar consideravelmente.

Sobraram ataques, mas faltou capricho para os dois times.

⏱️Segundo tempo

O Tricolor voltou mais organizado para a etapa final. E criou boa chance com troca de passes e de posições.

Só que o Ceará transbordou eficiência pouco depois.

A jogada que parecia perdida quando Fabinho foi acionado se transformou no cruzamento perfeito de Samuel Xavier na cabeça de Cleber, que pulou entre a zaga rival.

Os dois técnicos trabalharam, com Roger tornando o Bahia mais ofensivo.

Só que foi uma das trocas feitas por Guto Ferreira que decidiria o jogo.

O (novo) chutão de Prass encontrou o veloz Matheus Gonçalves, que cortou para o meio se livrando de João Pedro e bateu sem chance para Anderson.

O auxiliar marcou impedimento, gerando um clima de tensão. Mas o VAR – após muita demora – confirmou o gol e a boa vantagem alvinegra.

O Bahia tentou, mas faltava inspiração. Tanto que Rodriguinho foi sacado após um desempenho ruim.

E o Ceará celebrou ao se aproximar do título.


Foto: Reprodução/Twitter Copa do Nordeste