Cruzeiro leva mais de R$ 1,5 milhão em Brasília e tem quarta maior renda do ano como mandante | OneFootball

Cruzeiro leva mais de R$ 1,5 milhão em Brasília e tem quarta maior renda do ano como mandante

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

O Cruzeiro apresentou a sua quarta maior renda do ano com o jogo no Mané Garrincha, contra a Chapecoense, pela Série B. Segundo o borderô da partida, foram R$ 1.560.364,62 de arrecadação líquida. Mais de 20 mil torcedores acompanharam o time mineiro empatar por 1 a 1 em Brasília.

A carga de ingressos disponíveis foi de 38.484, com 22.432 vendidos. Além disso, 2.064 gratuidades foram disponibilizadas. A renda bruta chegou a R$ 1.816.425,00. Entretanto, foram descontados R$ 256.060,38 com gastos.

O valor arrecadado não vai totalmente para a equipe celeste. Ainda incidem outras taxas que fazem o valor líquido cair mais.

No jogo, Felipe Ferreira abriu o placar para a Chapecoense nos primeiros cinco minutos. Mesmo com superioridade durante toda a partida, o Cruzeiro conseguiu apenas com empate com o zagueiro Lucas Oliveira, no início da segunda etapa.

A partida também marcou a estreia do terceiro uniforme do Cruzeiro. A camisa amarela demonstra apoio da Raposa pela Seleção Brasileira, que disputará a Copa do Mundo este ano, no Catar.

A arrecadação só foi menor do que nos jogos contra o Fluminense, pela Copa do Brasil (R$ 1,9 milhão) e os jogos pela Série B contra Sampaio Corrêa (R$ 1.704.799,14) e Ponte Preta  (R$ 1.655.629,42).

O próximo compromisso da Raposa é contra o Grêmio, em Porto Alegre, domingo (21), às 16:00h. A equipe celeste busca uma vitória fora de casa contra um candidato direto ao acesso à elite do futebol. Se vencer, o Cruzeiro estará, praticamente, garantido na Série A do Campeonato Brasileiro.

Para saber tudo sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo